O blog JIdiario agora é portal JInews.com.br, com muito mais interatividade e conteúdo atualizado a todo momento. Acesse e confira.

quinta-feira, 30 de junho de 2011

EDITORIAL - MP está de olhovivo na Câmara Legislativa

O Ministério Público da Co-marca de Içara requisitou a instauração de procedimento administrativo na Câmara Municipal de Içara, para apu-rar possível quebra de decoro, infração disciplinar ou perda do mandato dos vereadores envolvidos na fraude da vo-tação do veto do prefeito Gen-til da Luz ao projeto de lei que prevê a extinção da APA de Santa Cruz e reduz atribuições da Fundai, em 16 de maio.
O promotor Henrique da Rosa Ziesemer, da 2ª promotoria, encaminhou à Câmara uma cópia integral dos autos do inquérito policial que trata da apreensão das cédulas, nesta terça-feira, dia 28.
Junto com o inquérito, o promotor enviou a todos os vereadores, com exceção dos envolvidos, um ofício explicando que o Legislativo pode investigar o caso, mesmo que o judiciário já esteja fazendo.
Agora, é esperar!!!

CHARGE

POLÍTICA - MP solicita ao Legislativo investigação sobre fraude

O Ministério Público da Comarca de Içara cobrou ação dos vereadores sobre a fraude na votação do veto do prefeito, requisitando instauração de procedimento administrativo na Câmara.


O Ministério Público da Comarca de Içara requisitou a instauração de procedimento administrativo na Câmara Municipal de Içara, para apurar possível quebra de decoro, infração disciplinar ou perda do mandato dos vereadores envolvidos na fraude da vo-tação do veto do prefeito Gentil da Luz ao projeto de lei que prevê a extinção da APA de Santa Cruz e reduz atribuições da Fundai, ocorrida no dia 16 de maio.
O promotor Henrique da Rosa Ziesemer, da 2ª promotoria, encaminhou à Câmara uma cópia integral dos autos do inquérito policial que trata da apreensão das cédulas, nesta terça-feira, dia 28.
Junto com o inquérito, o promotor enviou a todos os vereadores, com exceção dos envolvidos, um ofício explicando que o Legislati-vo pode investigar o caso, mesmo que o judiciário já esteja fazendo isto.
“Os vereadores, na condição de agentes públicos, e uma vez cientes de possíveis irregularidades cometidas no exercício da função, têm o dever de realizar a própria apuração dos fatos e atuação funcional de seus pares, como medida de transparência administrativa e prestação de contas à sociedade. As esferas administrativa e judicial são independentes, e não é necessário esperar o andamento de uma, para dar seguimento à outra”, destacou a nota divulgada pela promotoria da 2ª Vara.
As questões devem ser analisadas na forma do regimento interno.

GERAL - Colônia Z-33 promove curso de culinária pesqueira

Com o objetivo de capacitar os pescadores para a preparação do peixe de forma adequada, a Colônia Z-33 oferece, em dois dias, o curso “Beneficiamento e conservação do pescado”.

(Divulgação)

O curso Beneficiamento e conservação de pescado, promovido pela Colônia de Pesca Z-33, do Balneário Rincão, começou quarta-feira, dia 29, e continua nesta quinta-feira, dia 30.
Com carga horária de 16h, ou seja, nos dois dias inteiros, o curso é uma parceria com a Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri) e com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural Administração Regional de Santa Ca-tarina (Senar).
A capacitação não tem custo para os participantes. As inscrições encerraram na segunda-feira, dia 27, sendo que todas as 20 vagas disponíveis foram preenchidas.
“No curso os pescadores estão recebendo toda a orientação, desde a pesca, até a retirada do couro do peixe, armazenamento e preparação de pratos”, explica o presidente da colônia de pesca, João Picollo.
O Senar concedeu a professora e Picollo, a cozinha de sua casa.
“Como a colônia ainda não tem sede terminada, resolvemos fazer as aulas na cozinha da minha ca-sa, por ser mais adequada para a realização das tarefas”, relata o presidente.
O curso tem como objetivo capacitar os pescadores a comercializar o próprio produto e também trabalhar no restaurante que a Colônia vai criar.
“Estamos promovendo cursos pensando no restaurante que vai funcionar na Casa do Pescador. Eles já participaram de capaci-tação para congelamento dos peixes e agora estão re-cebendo estas aulas mais avançadas, onde aprendem diversos tipos de pratos culinários, o que vai ge-rar economia para o Balneário Rincão”, fala Picollo.
Para o presidente da colônia, a culinária é fundamental para o desenvolvimento do turismo na regi-ão. “Os turistas que apreciarem a culinária do Rin-cão, vão consumir outros produtos na região, abastecer seus veículos, etc. Isso tudo vai aquecer a nossa economia”, observa.
A Casa do Pescador abrigará centro administrativo, auditório, espaço para ar-mazenamento de pescado, salas para informática, trabalhos artesanais em escama e culinária pesqueira.
Para a obra serão investidos R$ 307.947, 70, provenientes do Governo Federal, através do Ministério da Pesca.
A estrutura de 278 m², lo-calizada no Loteamento Argu, será construída com capacidade de ampliação para um segundo piso.

POLÍCIA - Registrados mais dois acidentes e um atropelamento na SC-444

Os soldados da PMRv de Içara atenderam a três ocorrências entre a madrugada de terça-feira e o início da manhã de ontem, um dos casos foi o atropelamento de um menor na rodovia estadual .

(Divulgação)

Com a chegada do inverno as manhãs tornam-se perigosas para os motoristas devido a forte serração complicando ainda mais nos dias de chuva.
A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) de Içara alerta aos condutores para redobrar a atenção em pontos críticos das rodovias principalmente na Paulino Búrigo (SC-444), em Içara.
Entre o fim da tarde desta terça-feira e o inicio da manhã de ontem foram registrados dois acidentes e um atropelamento.
Um acidente ocorreu na manhã de ontem, no Distrito Balneário Rincão, em Içara, envolvendo o Fusion placas MGC-3874, de Cri-ciúma, dirigido por L.R., 38 anos, e a motocicleta Titan, placa MES-2221, de Tubarão, conduzida por J.C.D., 33, que ficou ferido na perna esquerda e encaminhado pelo Corpo de Bombeiros ao pronto socorro do Hospital São Donato.
A Polícia Militar também teve que agir na ocorrência de um acidente no cruzamento da Rua Marcos Ro-varis com a Rua Joaquim Domingo de Oliveira.
R.J.S., 27, motorista do Gol placas CLS-1518, de Cri-ciúma, ao atravessar a via foi surpreendido pela batida da moto placa AAT-3000, de Içara, na parte de trás do carro. M.T.I., foi levado ao Hospital São Donato com feri-mentos leves nas mãos.
De acordo com informações repassadas pela PM, M. caiu de costas e não teve ferimentos graves. O condutor do Gol saiu ileso.
Um menor de 8 anos foi atropelado na Rua Três Ribeirões, no Bairro de Nossa Senhora de Fátima. Ele foi atravessar a rua quando foi abalroado pelo Cor-sa placas LYZ-8706, de Içara, conduzido por J.S, 23 anos. O menino apresentava hematoma na face esquerda e foi encaminhado ao Hospital São Donato, onde passou por exames médicos.
Na tarde de ontem foi registrado um acidente na BR-101, na localidade de Vila Nova, em Içara, envolvendo o caminhão, placas CNR-5354, de Estrela (RS), e o Gol placas MIL-8122, de Blumenau, que estava escoltando uma carga de cigarro da Souza Cruz.
O caroneiro do carro de segurança, J.S., 34, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros de Içara com ferimento no braço direito. Ele foi conduzido ao Hospital São Donato. O caminhoneiro L.A., 39, , que havia parado na pista para dar uma carona, não se feriu.
M.J.S., 36, ficou ferido ao cair da motocicleta na Rua Vitória, Centro de Içara, no fim da tarde desta quarta-feira.

VARIEDADES - Rotary Club de Içara dá posse à nova diretoria

José Junior Demos foi empossado presidente do Rotary Clube de Içara, nesta terça-feira; o clube, sem fins lucrativos, presta serviços humanitários e recebeu o troféu Destaque Içarense 2010.

(Maso Nyetto/Jornal Içarense)

Em cerimônia na Casa da Amizade, no bairro Jardim Elizabete, nesta terça-feira, dia 28, foi empossada a no-va diretoria do Rotary Club de Içara, gestão 2011/2012.
José Junior Demos assu-miu a presidência no lugar de Claudinei Rebelo.
Demos foi escolhido por unanimidade entre os com-panheiros rotarianos.
“O meu nome foi con-senso entre os companhe-iros. Para a escolha do pre-sidente, é analisada a ma-neira como ele trabalha e o espírito rotariano, que é muito importante”, escla-rece o comandante do clu-be de serviços.
O evento contou com a presença do governador do Distrito 4651 do Rotary Club, Carlos Augusto Pi-menta. Entre as autorida-des também estavam o pre-feito Gentil da Luz; o vice-prefeito José Zanolli; o pre-sidente da Câmara de Diri-gentes Lojistas, José Dioní-sio Cardoso, o Déio; e o te-nente-coronel da Polícia Militar de Içara, Cosme Ma-nique Barreto.
“Cerca de 50 pessoas fo-ram prestigiar a posse, en-tre rotarianos, familiares e empresários”, diz Demos.
A Casa da Amizade, que trabalha em conjunto com o Rotary Club, também deu posse à nova diretoria. A presidência ficou com An-dreia Demos Borges, que assumiu o cargo pela se-gunda vez.
Todas as terças-feiras os companheiros rotarianos se reúnem na sede para ela-borar os projetos e campa-nhas voluntárias no muni-cípio. “Vou dar continui-dade aos projetos da gestão anterior e por em prática as ideias da nova gestão. Já te-mos prevista a doação de uma casa, para uma pessoa carente, o que é feito todos os anos pelo clube”, explica.
O novo presidente tam-bém destaca que a diretoria vai dar seguimento ao pro-jeto Aprender Para Ver, que visa a doação de mais de 40 óculos de grau para alunos da Escola Quintino Rizzieri, do bairro Jardim Elizabete, que passarão por consulta em um oftalmologista. A Paella Beneficente é outro projeto feito pelo Rotary, no qual é escolhida, todos os anos, uma entida-de para receber os recursos.
“O clube traz ainda ou-tros tantos benefícios para a sociedade, pois tem como verdadeiro objetivo a valo-rização do ser humano”, enfatiza Demos.
Devido ao bom trabalho que tem feito em Içara, o Rotary Club foi reconhe-cido pela comunidade e re-cebeu o troféu Destaque Içarense 2010.

ESPORTE - Muitos gols nas rodadas atrasadas pelo Campeonato do Clube dos 50

Nesta semana serão realizadas as quatro partidas atrasadas válidas pelo Campeonato Interno de Futebol Suíço, que foram adiadas devido as chuvas, colocando a tabela da competição em dia.

(Miguel Nyetto/Jornal Içarense)

A chuva na semana passada adiou duas rodadas válidas pelo Campeonato Interno de Futebol Suíço, Taça Supermercado Casta-gnetti/Casa do Lanche, mas nesta, nem o frio impediu a realização dos jogos atrasados, dois na terça-feira e os demais na noite de hoje.
Nas partidas de terça, dia 28, que, originalmente, deveriam ter sido disputadas no dia 7, Lindomar Guollo e Sapinho Pavimentações empataram em 5 a 5, enquanto o Vida Sports sofreu uma goleada de 5 a 2 da equipe Pegadas Calçados.
Até o momento foram realizados 14 jogos, com um total de 108 gols marcados, média de sete por partida. Já foram contabilizados 24 cartões amarelos, enquanto os àrbitros distribuíram apenas cinco vermelhos.
A artilharia está nos pés de Julio César de Lucca, da equipe da Casa do Rock, com sete gols marcados.
Pela chave A, quem lidera a tabela classificatória, é a equipe do Valvassori Contabilidade com sete pontos. E pela chave B: A Casa do Rock, também tem sete, seguido pelo Pegadas Calçados, que perde no saldo de gols.
Nesta quinta-feira à noite, será dada continuidade dos jogos atrasados entre Lindomar Guollo x Laje Sil-va/Bebidas Fernandes e Vi-da Sports x Casa do Rock.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

CAPA: Edição2.136 - Içara, 29 de junho de 2011

Imprudência provoca acidente no trevo da Lagoa dos Freitas
(Maso Nyetto/Jornal Içarense)


Golfinho encontrado morto na orla do Balneário Rincão
(Maso Nyetto/Jornal Içarense)


Zanolli assume PSD em Içara
(Maso Nyetto/Jornal Içarense)

EDITORIAL - Greve prejudica ano letivo em SC

Uma coisa é certa: não importa quantos dias mais vai durar a greve dos professores em Santa Catarina, os alunos terão aulas nos sábados até o final do ano. Até aí tudo bem. Mas se o ano letivo é obrigatório 200 dias de aulas, essa paralisação vai obrigar os professores repassarem as aulas de forma objetiva e dinâmica sem prejudicar a aprendizagem.
Ser professor não é fácil, buscar especialização superior, cuidar dos filhos, corrigir provas e trabalhos, e ainda ser facilitados do saber, é uma tarefa árdua.
Os educadores merecem respeito, pois: se temos bons médicos, jornalistas, advogados, assistentes sociais, enfermeiros, psicólogo, enfim, bons profissionais, são porque existem professores nota 10, que tem que receber um salário decente.

POLÍTICA - José Zanolli é o presidente da Comissão Provisória do PSD

Lideranças democratas de Içara migraram para o PSD, devido ao esvaziamento dos partidos pequenos; o grupo aguarda a criação oficial da sigla com uma Comissão Provisória já formada.

(Arquivo/Jornal Içarense)

O Partido Social Democrático (PSD) de Içara ganhou uma Comissão Provisória mesmo antes da fundação oficial no município. Os nomes dos 15 integrantes já vinham sendo divulgados há alguns dias, mas foi na noite desta segunda-feira, dia 27, que o grupo definiu os ocupantes dos principais cargos.
A presidência ficou com o vice-prefeito José Zanolli, o principal articulador pa-ra a criação do partido na cidade.
O secretário de Planejamento da Administração Municipal, Emerson de Jesus, foi escolhido para a vice-presidência.
Os cargos de secretário, 1º e 2º tesoureiros ficaram, respectivamente, com professor Jânio, Valdelir Da Rolt e Márcio Dalmolin.
“Agora vamos aguardar a legalização do partido em Içara para começarmos os trabalhos”, ressaltou Zanolli.
A Comissão Provisória está constituída ainda por Renato Réus, Moacir Francisco, Tarcisio Marangoni, Arlindo Luciano, Guido Castagnetti, Osvaldo Costa, Adriano (do Demboski), Jairinho (do Mãe Luzia), Fernando Fritz e Carlito Rabelo.
As quase 600 assinaturas de políticos interessados na fundação do PSD de Içara foram entregues no Cartório Eleitoral da cidade. A maioria dos interessados é formada por ex-integrantes do Democratas de Içara, que resolveram se-guir o exemplo do governador do Estado, Raimundo Colombo, que se filiou ao PSD, devido ao enfraquecimento dos partidos pequenos, já pensando na reforma política.
O grande ato do PSD em Florianópolis, previsto pa-ra este mês, ainda não tem data marcada, segundo Za-nolli. No evento, com a presença do governador e outras lideranças, como o fundador Gilberto Kassab, o PSD de Içara será criado.
O partido precisa ser fundado até outubro deste ano, para que os filiados possam concorrer às eleições em 2012.
Em Içara 20 pessoas estiveram mobilizadas na coleta das assinaturas. Para o município, a meta era recolher 200 nomes.
Para todo Estado de Santa Catarina, o estipulado eram 12 mil assinaturas.

GERAL - Festa do Agricultor tem programação divulgada

Cancelada por dois anos consecutivos, 2009 e 2010, a Festa do Agricultor de Içara vai acontecer em 2011; a programação já foi definida e divulgada pela Secretaria de Agricultura.

(Arquivo/Jornal Içarense)

A Festa do Agricultor, marcada para os dias 15, 16 e 17 de julho, no CTG Que-rência Praiana, na locali-dade de Boa Vista, em Içara, está com a programação de-finida.
Na sexta-feira, dia 15, às 19h, acontece a abertura oficial da festa, com a Feira da Indústria e Comércio, e exposições agropecuárias. Às 20h30min começa o des-file das camponesinhas e às 21h o desfile e escolha da mais bela agricultora.
Também no mesmo dia, o Grupo Folclórico Açoria-no Açor Sul, de Sombrio, vai se apresentar às 22h, e a noite finaliza com o baile animado pelos Garotos de Ouro e Bonde da Vanera.
Sábado, dia 16, a partir das 9h30min iniciam as Olimpíadas Rurais, com bocha do piumbo e canas-tra. Às 10h30min o Grupo Folclórico Ítalo Brasileiro, de Criciúma se apresenta. Em seguida, às 11h, acontece o tiro de laço na vaca pa-rada; ao meio dia, almoço, e às 13h apresentação da Associação do Boi de Mamão do São Paulinho, de Itape-ma. À tarde, o even-to segue com a rea-lização de uma gin-cana, na qual os participantes vão disputar pênaltis, descascar e debu-lhar o milho, brin-car de cabo de guerra feminino, corrida de carriola, prova do topiador e corrida de galo.
À noite, a partir das 19h, apresentação do Grupo de Violão da Casa da Cultura Padre Bernardo Junkes, às 20h, apresentação de tro-vadores, e às 23h, baile abri-lhantado com GDO do Forró e Bonde da Vanera.
Domingo, dia 17, o even-to começa mais cedo, às 8h30min, com desfiles das comunidades em carros alegóricos. Logo após, mis-sa em homenagem ao agri-cultor, presidida pelo Padre Antônio Mendes e anima-da pelo Grupo de Canto da Comunidade de Terceira Linha. Ao meio dia, os par-ticipantes vão almoçar e a tarde continua com o cam-peonato de mora, arranca-dão de tratores, entrega de premiações e encerramento da festividade.
O Torneio Leiteiro tem a primeira esgota na sexta-feira, às 18h; a primeira ordenha, sábado, às 7h, e a segunda ordenha no mes-mo dia, às 19h.
De 11 a 15 de junho tam-bém estará sendo feito o Torneio de Bocha na can-cha. O evento contará com sorteio de um automóvel, uma motocicleta e uma car-reta para trator para os três primeiros colocados.
“A nossa ideia é fazer uma gincana com tarefas ligadas à agricultura e en-volver as famílias de todas as 22 comunidades rurais existentes no município”, destacou o secretário de Agricultura de Içara, Sílvio João Viana.
A festa tem a organiza-ção da Administração Mu-nicipal, Secretaria de Agri-cultura, Gerência de Rela-ções Institucionais e os par-ceiros como a Copafi, Sin-dicato dos Trabalhadores Rural, Epagri e Cidasc.
A Feira do Artesanato, que acontece normalmente junto à Feira do Peixe Vivo, cancelada em 2011, vai ser realizada também entre os dias 15 e 17 de julho, na Festa do Agricultor.

POLÍCIA - Içara irá contar com mais bombeiros voluntários

Esta sendo realizado no Batalhão do Corpo de Bombeiros de Içara, o estágio dos Bombeiros Voluntários que irão trabalhar mais próximo da comunidade içarense no auxilio às ocorrências.

(Divulgação)

Os trabalhos do Corpo de Bombeiros de Içara sempre foi de extrema importância para a comunidade.
Atualmente, a cidade conta com aproximadamente 20 bombeiros voluntários e 18 concursados. A-lém de atuar com uma frota de quatro veículos: um caminhão tanque, uma ambulância e dois carros.
Para aumentar a abran-gência dos atendimentos a Içara irá contar com a auxílios de novos bombeiros voluntários que estão em fase de formação.
Após aulas teóricas e a-tendimentos simulados, a-gora é a vez de mostrar to-do o aprendizado.
A obtenção do aguardado diploma depende apenas do estágio. A participação nas ocorrências foi iniciada na segunda-feira. E, deverá encerrar no primeiro dia de julho.
O coordenador do curso em Içara, Car-los Cypriano, informou que o estágio realizado no batalhão da cidade envolve quatro voluntários por dia. Cada um deles participa das diligências. E, sempre com o acompanhamento dos bombeiros militares, e devem acumular, no mínimo, 60 horas de prática.
Os voluntários se classificam entre professores, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos de segurança, profissionais liberais e curiosamente uma dona de casa. Todos engajados para que depois de formados possam multiplicar os conhecimentos assimilados junto ao Corpo de Bombeiros de Içara.
Em 2011, o cursocontou com 50 inscrições. Mas, somente 22 pessoas foram se-lecionadas. Duas delas desistiram no meio do caminho. Num total de cinco turmas já formadas, o grupo de bombeiros voluntários conta com cerca de 160 pessoas no município. Todavia, ainda estão em atuação no batalhão de Içara somente 20 integrantes comunitários.

VARIEDADES - Rede Feminina de Combate ao Câncer realiza seminário hoje

A Rede Feminina de Combate ao Câncer de Içara trabalha para prevenir o câncer de colo de útero e de mama, realizando exames e palestras de conscientização para mulheres do município.

(Arquivo/Jornal Içarense)

Em comemoração ao 20º aniversário, a Rede Femini-na de Combate ao Câncer (RFCC) de Içara realiza na tarde desta quarta-feira, 29, um seminário de palestras no Salão Paroquial da Ma-triz São Donato, no Centro.
O evento, aberto à comu-nidade, inicia às 13h30mim, com o cerimonial de aber-tura, na presença de autori-dades; homenagem às ex-presidentes e fundadores; palestras; e encerra às 17h, com um coquetel.
O seminário contará com três palestrantes: a oncolo-gista Tânia Maria Loren-zoni, a psicóloga Fernanda de Souza, e o professor pa-rapsicólogo Antônio Ulli-ano. “Teremos orientações à saúde através de pales-tras muito interessantes. A-pesar de o evento ser mais focado na saúde da mulher, os homens também podem participar. A palestra do professor Ulliano, por e-xemplo, serve para todas as pessoas. Ele é ótimo”, enfa-tizou a presidente da RFCC, Inês Barichello.
Nesta segunda-feira, dia 28, já estavam confirmadas as presenças de seis redes femininas da região. “Con-vidamos todas as entida-des organizadas do muni-cípio. A previsão é de que compareçam 300 pesso-as”, estimou Inês.
A presidente destacou a importância da entidade nestes 20 anos. “A rede a-tende cinco mil mulheres ao ano. Tem contribuído muito para a saúde delas. Nestes 20 anos já devemos ter e-vitado diversas doenças com o oferecimento de exa-mes periódicos e preventi-vos. A rede está para preve-nir e ajudar, o ambulatório está sempre superlotado. Te-mos que valorizar também o Lions Clube Içara Centro, que teve a ideia de fundar a rede do município”, finaliza.

DISTRITO - Içara abrigará centro de recuperação para mulheres

O drama vivido por Rosane Cavalheiro de Oliveira, que lutou pela recuperação do marido dependente químico, serviu para que hoje ela tivesse forças para criar um centro para reabilitação de mulheres.

(Divulgação)

O primeiro centro de recu-peração para mulheres de-pendentes químicas da Re-gião Sul de Santa Catarina está sendo construído na comunidade de Urussanga Velha 2, em Içara.
Iniciativa da Associação De-us Está Aqui, através da pre-sidente Rosane Cavalheiro de Oliveira, o centro é pro-jetado para tratar e abrigar 32 mulheres.
Pelo menos 12 dependen-tes químicas já estão na fila esperando pela inaugura-ção, que deve acontecer no prazo de seis meses.
Rosane mora no bairro Pe-dreiras, em Içara, há quatro meses. Ela veio de Floria-nópolis para acompanhar o tratamento do marido em um centro de recuperação da região. “Como o meu marido veio tratar-se aqui, decidi morar em Içara para acompanhá-lo. Sei o que é estar na pele de alguém que ama um dependente quími-co. A dependência química é um problema físico e espi-ritual. Ainda existe muita discriminação. Ao invés de apoiar, a sociedade não a-credita na recuperação de-les, isso acaba deprimindo a pessoa que está saindo das drogas, fazendo com que tenha uma recaída”, explica a presidente.
Rosane luta há seis anos pela recuperação do marido e neste tempo também aju-dou muitos outros depen-dentes químicos. “Em Flori-anópolis, eu e mais algumas pessoas fazíamos um traba-lho na Praça 15 com mora-dores de rua usuários de drogas. Nós pregávamos o evangelho e servíamos janta para eles. Todos demons-travam interesse em fazer um tratamento. Então, eu os levava para os centros de recuperação, mas, na maio-ria das vezes, não havia vaga. Já chegamos a abrigar moradores de rua em nossa casa”, conta Rosane.
A entidade possui 17 pes-soas na diretoria. “Qualquer um pode nos ajudar, inde-pendente de religião”, res-salta a presidente, integrante de uma igreja evangélica.
Ao chegar a Içara, Rosa-ne resolveu trazer o trabalho que já vinha fazendo em Florianópolis, mas, desta vez com foco na reabilitação de mulheres. Ao procurar por um lugar para alugar, ela teve uma surpresa agra-dável. “Enquanto procurá-vamos o local para criar o centro, um casal conhecido disse que doaria um terreno em Urussanga Velha 2. Po-rém, houve algo muito espe-cial nesta doação, porque um deles teve um sonho de que o lugar serviria para cri-ação de um centro de recu-peração para mulheres, sem saber que nós estávamos procurando”, enfatiza a presidente da associação.
O terreno doado pelo ca-sal possui 830 metros qua-drados , onde ainda há uma estufa de fumo.
“A vigilância sanitária e-xige um padrão para cons-trução de centros deste tipo. Cada quarto tem que ter um banheiro e não pode haver mais de quatro meninas em cada um, por exemplo”, diz.
A Associação Deus Está Aqui pede a colaboração da co-munidade, empresários e políticos para a construção. “Inicialmente, precisamos de um engenheiro voluntá-rio, que faça a planta arqui-tetônica; além de todo o tipo de material de construção”, pede Rosane.
Segundo a responsável, o trabalho de recuperação não vai contar com o uso de medicamentos, mas sim, te-rapia diária e capacitação para o mercado de trabalho. “Vamos promover cursos para as residentes, através dos quais elas vão produzir peças artesanais, entre ou-tras, que serão vendidas pa-ra criação de um fundo, ou seja, um dinheiro que será guardado para elas até que terminem o tratamento e que ajude a começarem a vida quando saírem da reabilita-ção”, projeta Rosane, escla-recendo que, após saírem do centro, tanto as mulheres, quanto as famílias conti-nuarão sendo acompanha-das por profissionais, como psicólogos e assistentes sociais. “É um trabalho transparente e uma obra que não é só minha, mas de to-dos que se colocaram à dis-posição para fazer”, fala.
A presidente chama a a-tenção para o fato de que o centro de recuperação femi-nino mais próximo encon-tra-se na Capital do Estado. “O centro de Florianópolis tem apenas 14 vagas, e todas preenchidas. Mães de de-pendentes químicas me li-gam desesperadas pedindo ajuda. A nossa região preci-sa de um centro como este”, finaliza Rosane de Oliveira.

ESPORTE - Tigre vence mas não convence a torcida

O Criciúma sofreu a pressão da torcida que exigia uma vitória dentro de casa e ela veio com um gol do atacante Zé Carlos, na segunda etapa, que garantiu ao tricolor a quinta posição.

O Criciúma complicou a trajetória do Bragantino no Campeonato Brasileiro da Série B.
Na noite desta terça-feira, no Heriberto Hülse, o clube catarinense derrotou o adversário paulista pelo placar de 1 a 0, e afundou ainda mais o time de Bragança Paulista na zona de rebaixamento da segunda divisão do futebol nacional.
Zé Carlos, aos 32min da etapa complementar, assinalou o único gol do jogo.
A derrota derrubou o Bra-gantino para a penúltima colocação da Série B, com seis pontos. Em contrapar-tida, o Criciúma se manteve na oitava colocação, com 13 pontos ganhos.
E a vitória ocorreu ape-nas por conta da inspira-ção de Zé Carlos, que acer-tou um sem pulo de extre-ma felicidade, vencendo o goleiro Gilvan. O tento amenizou a pressão da torcida, que chegou a vaiar o clube durante o embate.
No sábado, o Tigre vai até Natal enfrentar o ABC, enquanto o time paulista recebe em casa a visita da Americana

terça-feira, 28 de junho de 2011

CAPA: Edição2.135 - Içara, 28 de junho de 2011

Meller garante trevo alemão na entrada do Jussara
(Arquivo/Jornal Içarense)


Rodada do Içarense é adiada devido ameaça de chuva
(Divulgação)


Vereadores tem nomes divulgados
(Bruan Borges/Jornal Içarense)

EDITORIAL - GAECO aponta quatro envolvidos

Os nomes dos vereadores e demais envolvidos na fraude da votação do veto do prefeito Gentil Dory da Luz (PMDB) ao projeto de Lei que prevê a extinção da APA de Santa Cruz e reduz atribuições da Fundai, foram divulgados nesta segunda-feira, pela 2ª Vara do Fórum de Içara.
Foram indiciados pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAE-CO, de Criciúma, os vereadores Acirton Costa (PMDB), Ita-mar da Silva (PP) e Darlan Carpes (PP) e o presidente da Cooperaliança, Pedro Deonísio Gabriel (PP).

CHARGE

POLÍTICA - Divulgados os nomes dos envolvidos no caso das cédulas

O juiz da Comarca de Içara autorizou a divulgação das conversas telefônicas dos envolvidos na fraude da votação do veto do projeto que extingue a APA; e os nomes foram conhecidos ontem.

(Bruna Borges/Jornal Içarense)

Os nomes dos vereadores e demais envolvidos na fraude da votação do veto do prefeito Gentil Dory da Luz (PMDB) ao projeto de Lei que prevê a extinção da APA de Santa Cruz e reduz atribuições da Fundai, foram divulgados nesta segunda-feira, dia 27, pela 2ª Vara do Fórum da Comar-ca de Içara.
Foram indiciados pelo delegado Airton Ferreira, do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), de Criciúma, três vereadores e o presidente da Cooperaliança, Pedro Deonízio Gabriel (PP).
O delegado entendeu que houve os crimes de: Prevaricação, dos vereadores Acirton Costa (PMDB) e Itamar da Silva (PP), por terem legislado a favor da Carbonífera Rio Deserto; Falsificação de Documento, pelo presidente da Câmara, Darlan Carpes (PP), com participação do presidente da Cooperaliança; Constrangimento Ilegal, por Carpes e Gabriel, devido a afirmação de que o ve-reador André Jucoski, o Po-lakinho (PSDB), perderia o emprego na cooperativa caso não votasse contra o veto; e Advocacia Administrativa, por Carpes, Costa e Silva, que proporam articular politicamente ao votar visando extinção da APA, patrocinando interesses da mineradora.
As constatações do delegado foram feitas a partir das interceptações telefônicas feitas nos celulares dos envolvidos.
De acordo com o relatório enviado pelo Gaeco à promotoria de I-çara, “o que mais surpreendeu a e-quipe de investigação foi a decisão de marcar o voto do vereador Polakinho, visando puni-lo após o processo de votação, caso ficasse confirmado que votaria a favor do veto do prefeito. O monitoramento telefônico mostrou claramente que o presidente da Cooperali-ança, Pedro Deonízio Ga-briel, pressionado pelo diretor da cooperativa, Se-veriano Valentin (PT), mandou que o presidente da Câmara, Darlan Carpes, marcasse o voto de Pola-kinho”.
Ainda de acordo com o relatório, Carpes solicitou há pelo menos dois vereadores (Jurê Bortolon e An-dré Jucoski) para que marcassem seus votos, a fim de certificar-se de que estariam votando de acordo com o anunciado. Mas, ambos não aceitaram. “Há indícios fortes de que aquele voto, onde consta marcação de três círculos na assinatura, seja de Polakinho, marcação feita pelo próprio presidente da Câmara”.
A investigação também afirmou que houve reunião na Cooperaliança, autorizando o presidente da cooperativa a conversar com os dois vereadores que trabalham na empresa (Car-pes e Polakinho), para derrubarem o veto e, caso não atendessem, seriam demitidos.
O diretor da cooperativa, Severiano Valentin, declarou que não pediu marcação de voto. “Simplesmente sou favorável ao empreendimento da mineradora na cidade. Então, como diretor, pedi aos funcionários Carpes e Polakinho que votassem para derrubar o veto. Passei a vida inteira lutando para eleger vereadores, deputados, prefeitos, a fim de trabalharem pelos interesses das empresas. Tenho o direito de cobrar dos funcionários o que a-cho que é certo, até porque eles foram eleitos pela cooperativa. Disse ao presidente da Cooperaliança que, se eles se posicionas-sem contra a empresa, eu pediria a demissão deles”, enfatizou Valentin.
O vereador Polakinho, apesar de pressionado, confirmou que foi favorável ao veto, como havia prometido aos agricultores e ambientalistas, e que não teme por seu emprego na cooperativa. “Respeito a posição do Severiano e do Pedro Gabriel. Eles são meus amigos e em nenhum momento me ameaçaram. Lamento o que aconteceu e sou solidário aos companheiros vereadores, pois é um momento muito difícil”, ressaltou.
Os vereadores Darlan Carpes, Acirton Costa e Itamar da Silva disseram que não tinham nada a declarar no momento. A reportagem não conseguiu contato com o presidente da Cooperaliança, Pedro Deonízio Gabriel, que estava com os dois aparelhos celulares desligados.
O departamento jurídico das Empresa Rio Deserto, de Criciúma, vai se interar do relatório para se manifestar sobre o caso através de nota nesta terça-feira, dia 28, segundo a assessoria de imprensa.

GERAL - Presidente do Deinfra autoriza trevo no Loteamento Jussara

Reivindicado há 12 anos pela comunidade do Loteamento Jussara, o trevo alemão com acostamento, que já tem projeto e licitação prontos, foi autorizado pelo presidente do Deinfra em Içara.

(Bruna Borges/Jornal Içarense)

Durante reunião com lideranças políticas do Sul do Estado, nesta segunda-feira, dia 27, no gabinete do prefeito Gentil Dory da Luz, o presidente do Departamento Estadual de Infra-estrutura (Deinfra) de Santa Catarina, Paulo Meller, autorizou a construção de um trevo alemão com acostamento no trecho da Rodovia SC-444, entre o Lote-amento Jussara, em Içara.
Há 12 anos, a comunidade local reivindica o trevo, que, segundo o projeto, vai custar R$ 294 mil.
“O secretário de Desenvolvimento Regional, Luiz Fernando Cardoso, o Vam-piro; e o superintendente do Deinfra, Lourival Piz-zolo, podem verificar com a empresa vencedora da licitação, a Confer, quando será possível iniciar a obra, para que possamos dar a ordem de serviço”, disse o presidente do Deinfra, sendo aplaudido pelas lideranças presentes.
O encontro, convocado para tratar da Rodovia SC-444 também tratou de outras reivindicações, entre elas, o trecho que vai do bairro Vila Nova ao Balneário Rincão, que segundo Meller será contemplado com revitalização; e o projeto de acesso à rodovia por alças laterais, antes do viaduto; o qual o presidente pediu para analisar melhor, junto com o secretário regional.
O prefeito Gentil da Luz comentou que, na situação como está a rodovia, fica “feio” para Içara. O vice-prefeito José Zanolli, também justificou citando a SC-444 como cartão de visitas da cidade, precisando ser melhorada, pois está deixando má impressão.
Além deles, o deputado Estadual Adilor Guglielmi, o Dóia, lembrou o crescimento do comércio ao redor da rodovia SC-444, o que tornam ainda mais urgentes as melhorias.
Para Dóia e Zanolli este é o momento oportuno pa-ra Içara conseguir as me-lhorias, pois tem eleitos um deputado estadual; o vice-governador Eduardo Pinho Moreira, que é da região carbonífera; e o próprio Paulo Meller, que já foi prefeito de Criciúma.

POLÍCIA - PC atende as ocorrências de assaltos no Balneário Rincão

A PM e PC atenderam a algumas ocorrência de roubo no Balneário Rincão durante o feriadão de Corpus Chisti e o delegado Rafael Yasco continua com as investigações dos crimes registrados.

(Arquivo/Jornal Içarense)

O feriadão foi preocu-pante para a Polícia Militar (PM), não tanto pelos a-cidentes nas rodovias, mas por um número significativo de roubos registrados durante os quatro dias.
Na noite de sábado, a PM prendeu em flagrante P.S.S., 41 anos, no Balneário Rin-cão, por furto a residência. A guarnição havia recebido uma informação de que um homem estaria no interior de uma casa, cometendo furto. Ao chegar ao local a guarnição flagrou o meliante pulando a janela de um dos quartos com uma bolsa cheia de fios de energia elétrica. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão e conduzido o masculino a Delegacia de Polícia de Içara onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante.
Um outro caso também levantado pela PM. Uma mulher acabou machuca-da em um assalto registrado pela Polícia Civil no Rincão. Segundo a vítima, M.L.O.F, 50 anos, o ataque ocorreu quando se dirigia a um estabelecimento para o pagamento de contas. Na bolsa tinham R$ 1,6 mil.
Conforme o registro da ocorrência, o meliante parou a motocicleta ao lado da mulher como se fosse perguntar algo. Depois disso, agarrou o cabelo com uma das mãos e com a outra puxou a bolsa levando consigo a quantia. O crime aconteceu na Rua da Matriz, no centro do Balneário Rincão.
O detalhe que continua a chamar atenção dos policiais é a violência constante dentro do Distrito Balneário Rincão.
O delegado da Polícia Ci-vil de Içara, Rafael Marin Yasco, que auxilia nas investigações, confirma que muita coisa ainda deve ser revista em matéria de segurança no Distrito. “O Balneário Rincão sempre foi a nossa maior preocupação, novos projetos de segurança estão sendo discutidos junto ao Conseg (Conselho de Segurança) para reverter esse tipo de atitude”.
Um mapeamento dos pontos mais críticos começa a ser feito, algo que atrasa demasiadamente o serviço de investigação. “Muitas pessoas deixam de registrar o Boletim de Ocorrência, além de perder a oportunidade de pegar os bens subtraídos eles nos ajudam a ver quais os pontos são mais visados pelos ladrões”, explicou o delegado de Içara.

VARIEDADES - Associações culturais de Içara se reúnem em feijoada

Movidas por um objetivo comum, revitalizar as diversas manifestações culturais do município, representantes de entidades içarenses reuniram-se para fazerem planos e saborear uma feijoada.

(Fotos/Divulgação)

Na noite do feriado de Corpus Christi, dia 23, gru-pos culturais de Içara reuni-ram-se para uma feijoada com reunião na casa da pre-sidente do Movimento de Consciência Negra Chico Rosa, Nadir da Rosa dos Santos, a Ika.
Esteve presente, além do movimento Chico Rosa, a Associação Cultural Açoria-na de Içara, Pastoral do Ne-gro, Associação Italo-Venita de Içara, Grupo de Dança La Montanara e Academia Iça-rense de Letras e Artes.
Durante a reunião, foi dis-cutida a agenda de eventos que envolvem as associa-ções. Os grupos concluíram a organização da primeira novena da Festa de São Do-nato, que acontecerá no pró-ximo dia 2, com a missa étni-ca e barracas típicas na Praça da Igreja Matriz São Dona-to. Também ficou definido, para o Dia da Consciência Negra, 20 de novembro, a ajuda para promover a mis-sa da Consciência Negra e ainda uma outra feijoada para comemorar o Dia Zumbi-Afro.
No encontro também foi discutida a crise que os gru-pos culturais de Içara en-frentam, pela falta de apoio financeiro e espaço físico para desenvolver as ativida-des e revitalizar as diversas manifestações culturais do município.
“Em reunião anterior, o secretário de Educação e Cultura de Içara, Antônio de Mello, comprometeu-se em alugar um pavilhão para a-brigar as associações cultu-rais. Porém, respondeu, na última semana, que a secre-taria não tem recursos para isto. Contudo, a Adminis-tração Municipal pretende investir na criação de gru-pos de dança étnica dentro das escolas municipais, com o objetivo de comemo-rar os 50 anos de Içara. Tal atitude poderá significar o fim de vários grupos já exis-tentes há mais de 20 anos no município”, opinou a se-cretária da Associação Cul-tural Ítalo-Veneta, Silésia Pizzetti Augustinho.
Ainda de acordo com Silé-sia, cabe lembrar que os gru-pos culturais vêm desenvol-vendo há muitos anos ativi-dades sem fins lucrativos com o único objetivo de be-neficiar a cultura e resgatar a identidade cultural da po-pulação içarense.
“Os membros das asso-ciações pagam mensalidade para manter o grupo e, na maioria das vezes, pagam o custo dos eventos que pro-movem, como foi o caso des-ta feijoada. Não é possível fazer um trabalho público sem o apoio do Poder Públi-co”, reclamou a secretária.
As entidades planejam uma reunião com o prefeito Gentil Dory da Luz para tratar do assunto.
Outro problema discutido foi a continuidade das obras do Centro Cultural da Caixa do Carvão, que resolveria o problema da falta de espaço físico das entidades.
“O complexo cultural é uma reivindicação de mais de 20 anos. Este está sendo ameaçado a transformar-se em posto de saúde. Por que a construção de outra obra como a rodoviária em um local de difícil acesso? Será um desperdiço do recurso público, enquanto os grupos culturais estão pedindo so-corro”, questionou Silésia.

ESPORTE - Tigre pronto para enfrentar o Bragantino nesta terça-feira

Criciúma realizou treinos pesados durante o fim de semana visando a partida desta terça-feira contra o Bragantino e o técnico Guto Ferreira quer obter a primeira vitória diante da torcida.

(Divulgação)

O Sport já é passado, a-gora, o foco é o Bragantino (SP). Por isso, nada de folga para o Tigre. Domingo foi dia de treino para a comissão técnica e o grupo de atletas. Com as atenções voltadas para o time pau-lista, o técnico Guto Fer-reira coordenou um treino tático no CT Toca do Tigre.
As atividades foram retomadas no período da tarde desta segunda-feira, no CT. Antes dos trabalhos físicos, a direção de Futebol do Criciúma apresentou o volante Mateus, 24 anos, como novo reforço para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B.
O jogador já participou dos treinos com o grupos e se tiver com a situação regularizada poderá atuar nesta terça-feira diante do time paulista.
O Criciúma espera receber a confirmação do empréstimo do atacante Bry-an pelo Internacional. A possibilidade da contrata-ção foi antecipada na sexta-feira pelo diretor de futebol Rubens Angelotti. O jogador foi ao Estádio Beira Rio para acertar detalhes da liberação.
O empate em 0 a 0 com o Sport, manteve o Criciúma na oitava colocação da Série B, com 10 pontos, depois da finalização da sétima rodada. As equipes da Portuguesa, Americana e ABC ganharam destaques com vitórias importantes no sábado.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

CAPA: Edição2.134 - Içara, 23 a 26 de junho de 2011

Içarenses enfeitam as ruas no dia de Corpus Christi
(Arquivo/Jornal Içarense)


PMRv estará mais vigilante na Rodovia SC-444
(Alex Cichella/Jornal Içarense)


No Sicredi o atendimento é Nota 10
(Maso Nyetto/Jornal Içarense)

EDITORIAL - Casa para todos que realmente precisem

Nesta terça-feira, a Secre-taria de Assistência Social, Habitação, Trabalho e Ren-da de Içara se reuniu-se com 100 famílias pré-se-lecionadas para a ocupação do residencial Amanda Costa. A entrega dos apar-tamentos, que são 188, de-ve ocorrer no fim do se-gundo semestre.
Essas famílias vão sair do aluguel e morar num espaço próprio, mesmo pa-gando um financiamento com valor mais baixo.
O Poder Público deve fis-calizar de perto para que pessoas que não precisam se beneficiem deixando os que, realmente, necessitam de fora do programa. E tam-bém, ficar de olhovivo para que o imóvel não seja usa-do para aluguel ou mesmo para venda.

CHARGE

POLÍTICA - Juiz convoca médico para perícia em processo de cassação de Gentil

A fim de agilizar o processo o juiz da Comarca de Içara averiguou que as testemunhas que apresentaram atestado médico poderiam comparecer em Juízo, mas o TRE/SC pediu uma perícia.

(Bruna Borges/Jornal Içarense)

Após o desembargador do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE/SC) ter aceito o agravo de instrumento interposto pela defesa da Coligação Por Uma Içara Mais Humana, que inclui, além do PMDB, mais 11 siglas, o juiz da 2ª Vara da Comarca de Içara, Sérgio Renato Domingos, teve de reformular a de-cisão sobre a convocação de Gilmar Celoy Custódio pa-ra depor sobre a Ação de Im-pugnação de Mandato Ele-tivo (AIME), contra o prefeito Gentil Dory da Luz e o vice José Zanolli, que tramita na Comarca de Içara.
O juiz, depois de averiguar que Custódio, contador da campanha eleitoral, estava trabalhando normalmente em seu escritório, determinou que a testemunha fosse depor no dia 31 de maio. Mas, Custódio havia apresentado atestado médico, ou seja, segundo o de-sembargador do TRE/SC, o atestado só poderia ser constatado com uma perícia médica.
Então, a audiência do dia 31 foi cancelada, ficando em aberto uma nova data após a realização da perícia.
De acordo com o advogado do PMDB e consultor jurídico da Administração Municipal, Joel Antônio Ca-sagrande, o juiz já fez a convocação do médico do Tribunal de Justiça do Estado, para que o mesmo faça a pe-rícia, que segue “quesitos de um rito processual”. “O médico avisou que só poderá fazer a perícia nas quintas-feiras. Então, uma data ainda será agendada. Caso o médico constate que a testemunha está apta a comparecer em Juízo, o juiz pode marcar uma nova data para a audiência. Caso Custódio não puder depor, ou seja, se o médico do TJ/SC verificar que, devido ao problema cardíaco, ele realmente não possa depor, o contador deverá fazer a declaração por escrito, registrada em cartório”, explica Casagrande.
Ainda segundo o advogado, o depoimento de Custódio é importante porque po-de descaracterizar a alegação de “caixa 2”, feita pela coligação Por Uma Içara Mais Forte (PP/PT/PTB/PSDB). Caso até o dia 9 de agosto, data da próxima audiência, o contador não tenha passado por perícia, a-penas as outras duas testemunhas previstas vão a Juízo: Deobaldo Donato Pa-checo, o Bado, coordenador da campanha eleitoral; e o ex-secretário de Assistência Social, Adair Benjamin de Souza, o China.

GERAL - Procissão de Corpus Christi sairá do Colégio Cristo Rei

Hoje é feriado de Corpus Christi e a comunidade católica se prepara para a procissão pelas ruas da cidade; neste ano a caminhada passa pela Rua Duque de Caxias, saindo do Colégio Cristo Rei.

(Arquivo/Jornal Içarense)

Na manhã desta quinta-feira, dia 23, os católicos iça-renses vão às ruas para fazer os tradicionais tapetes de Corpus Christis e participar da procissão. Em ca-so de chuva a procissão será cancelada.
Logo cedo, às 6h, famílias, movimentos de bairros e setores pastorais começam a enfeitar as ruas para receber a caminhada de fiéis.
Neste ano, a procissão sai da frente do Colégio Cristo Rei, no Centro, passando pela Rua Duque de Caxias até chegar a Igreja Matriz São Donato. A saída acontece às 10h.
Durante a procissão, serão erguidos altares, onde os fiéis cantarão hinos e farão orações. Na caminhada, lojistas, moradores, pastorais, entre outros grupos e entidades religiosas confeccionarão o tradicional tapete de rua.
Símbolo da procissão, o tapete consiste em um enfeite pela rua com flores, verdes picados, cal, pó de café, areia, entre outros materiais ornamentais, formando imagens e símbolos da religiosidade católica.
“A comunidade se reúne tradicionalmente para a confecção dos tapetes. Os moradores da cada rua costumam combinar para fazerem os enfeites juntos”, explica a secretária da Paróquia São Donato, Fran-ciele Cardoso.
As palavras “Corpus Christi” querem dizer: “Corpo de Cristo” em latim. O feriado de Corpus Christi, no qual os cristãos católicos celebram a presença real de Cristo na Eucaristia, acontece quase todos os anos em datas diferentes, na quinta-feira seguinte ao domingo da San-tíssima Trindade, e esta, a-contece no domingo seguinte ao de Pentecostes.
Nesta data, os católicos também não deixam de par-ticipar da missa.
Segundo informações do Portal da Família, a celebração de Corpus Christi surgiu no Século XIII, na Bélgica. Na época, uma fre-ira chamada Juliana de Mont Cornillon teve a visão de que Jesus pedia uma festa para celebrar o sacramento da Eucaristia. Por is-so, foi organizada uma procissão na cidade onde morava, Liège.
Com o tempo, o costume se espalhou pelo país. E no Século XIV, a comemoração foi transformada num dever canônico pela igreja Católica.

POLÍCIA - PMRv dá início a Operação Corpus Christi na SC-444

Começou às 18h desta quarta-feira a Operação Corpus Christi da PMRv de Içara, de acordo com o comando da Polícia Rodoviária o efetivo será redobrado e blitz feitas em pontos estratégicos.

(Arquivo/Jornal Içarense)

Teve início às 18h desta quarta-feira, dia 22, a Operação Corpus Christi. Os trabalhos da Polícia Militar Rodoviária Estadual (PMRv) de Içara terão continuidade durante todo o feriado, com encerramento confirmado para segunda-feira, dia 27, às 8h.
A Rodovia Paulino Búri-go (SC-444) em Içara terá uma atenção redobrada a-través dos patrulheiros. A equipe será reforçada para atender as possíveis ocorrências e o fluxo constate de carros em toda a extensão da rodovia.
Os policias irão trabalhar com bafômetros e radares moveis, além de fazer blitz em pontos estratégicos da rodovia estadual.
O principal foco é a preocupação com a imprudência dos motoristas, nos períodos mais críticos. Final da tarde desta quarta-feira e as primeiras horas de quinta-feira, que são os períodos de ida de muitas famílias, além da volta, no final da tarde de domingo.
A Rodovia SC-444 é alvo de grande preocupação por parte dos pa-trulheiros devido ao fácil a-cesso as praias e a BR-101.
No feriadão do ano passado foram regis-trados 249 acidentes e nove mortes em toda a extensão das rodovias estaduais federais de Santa Catarina.
De acordo com a nova lei, onde é extremamente proibido o consumo de qualquer quantidade de bebida com álcool, a infração prevê multa de R$ 955 e perda do direito de dirigir por, até, um ano.

VARIEDADES - Gerente bancário é destaque no Sicred de Içara e Rincão

Fernando Romancini recebeu o troféu Destaque Içarense nos anos de 2006 e 2010, pelo bom desempenho como gerente bancário na cooperativa de crédito Sicred de Içara e Balneário Rincão.

(Maso Nyetto/Jornal Içarense)

Manter a equipe em constante desenvolvimen-to, cultivar bom relaciona-mento, estar sempre infor-mado sobre a economia re-gional, nacional e mundi-al, além de conquistar no-vos associados, no caso de uma cooperativa, são os principais desafios de um gerente bancário, segundo Fernando Romancini, res-ponsável pelas agências do Sicred de Içara e do Dis-trito Balneário Rincão.
Natural de Içara, filho de Arlindo e de Terezinha Ro-mancini, Fernando iniciou as atividades como gerente de negócios em 2000, na a-gência do Bradesco. Após oito anos na função, foi pa-ra a empresa Petrofab Equi-pamentos, onde trabalhou por dois anos, como geren-te financeiro. O início das atividades na cooperativa de crédito Sicred, em Içara, aconteceu em março de 2010. “Recebi um convite do presidente da coopera-tiva, Aloísio Westrup”, conta Romancini.
Em 2006, ainda no Bra-desco, Fernando recebeu certificado da Associação Nacional de Investimen-tos e Desenvolvimento. “Recebi, porque iniciei no Bradesco como gerente de negócios, e era uma exigên-cia para desempenhar tal função. Passei por um trei-namento em Florianópolis de sete dias, onde aprende-mos sobre normas de cré-dito, riscos e mercado de capitais. Este ano, terei que renovar novamente meu certificado, já que tem va-lidade de cinco anos”, ex-plica o gerente bancário.
Formado em Economia pela Universidade do Ex-tremo Sul Catarinense (U-nesc), em 2004, e especia-lizado em Gerência Finan-ceira , também pela Unesc, em 2008, Fernando teve um novo desafio em outubro do ano passado. Ele assu-miu também o comando da agência do Sicred no Bal-neário Rincão, desde a inauguração.
O Sicredi do Rincão con-ta com três colaboradores e o de Içara, com 13.
Para Fernando, um ge-rente bancário precisa ter formação adequada, estar sempre disposto, se rela-cionar bem com todos e es-tar bem informado de as-suntos diversos.
Ele considera Içara um ótimo lugar para se traba-lhar. “É uma das cidades que mais cresce no Sul do Brasil e está em constante desenvolvimento. Outro ponto positivo é que con-quistei, com o tempo, um bom relacionamento com o meio empresarial e a comu-nidade, sendo estes fatores importantes na questão profissional”, ressalta.
Fernando Romancini foi reconhecido pela comuni-dade içarense pelo bom de-sempenho na função, ten-do recebido o troféu Desta-que Içarense em 2006 e 2010, na categoria de ge-rente bancário.

ESPORTE - Criciúma terá novidades na partida desta sexta-feira

O Tigre treinou durante todo o dia de ontem pensando na partida contra o Sport nesta
sexta-feira e algumas das novidades já foram colocadas em campo pelo técnico Guto Ferreira.


(Alex Cichella/Jornal Içarense)

Completando uma semana de trabalho no Criciúma e partindo para o terceiro jogo pelo tricolor, o técnico Guto Ferreira promove mu-danças na equipe.
O meia Aloísio e o atacante Bruno Meneghel são as novidades e deverão estreiar sexta-feira, na Ilha do Retiro, contra o Sport Re-cife, pela sétima rodada da Série B.
A equipe treinou inicialmente com oito jogadores em um pedaço do gramado do CT Toca do Tigre. Depois, os atacantes foram somados ao time titular que teve Andrey, Thoni, Rogélio, Anderson Conceição e Pirão, Henik, Jack-son, Roni e Aloísio, Sch-wenck e Bruno Meneghel.
O apronto acontecerá hoje em Porto Alegre, antes da viagem para Recife. O Tigre está desfalcado dos zagueiros Nirley e Toninho e do volante Carlinhos Santos, todos lesionados.
Carlinhos Santos foi su-bmetido a uma artroscopia no joelho esquerdo e deve ficar cerca de 40 dias em recuperação. O jogador deverá começar a fisioterapia no fim da semana.
O Criciúma vai anunciar a contratação do volante Andres Fernandes Gonçalves, Baraka, 25 anos que vem com a indicação do técnico Guto Ferreira. O jogador, que deve chegar nesta quinta-feira ao clube, atua como segundo volante, uma das carências iden-tificadas pelo treinador.
Baraka já esteve no futebol catarinense, atuando pelo Figueirense na Série B do ano passado. Ele é natural de Avaré (SP) e já jogou também pelo Penapo-lense-SP, Linense-SP, Oeste-SP e Flamengo-SP.
O atacante Valdo, que treinava em separado há cerca de um mês e não seria aproveitado pelo clube para a Série B, está de volta ao time profissional do Criciúma a pedido do técnico Guto Ferreira.

quarta-feira, 22 de junho de 2011

CAPA: Edição2.133 - Içara, 22 de junho de 2011

Conselheiros conseguem aprovar pavimentação da Terceira Linha
(Divulgação)


Escolinha de Skate ainda tem vagas em aberto
(Alex Cichella/Jornal Içarense)
Acesso ao Torneiro é realidade
(Maso Nyetto/Jornal Içarense)


EDITORIAL - Uma conquista da comunidade

Depois de muitos anos de espera a comunidade da Barra do Torneiro, em Jaguaruna, na divisa com o Balneário Rincão, em Içara, estão bem próximo de aposentar a ponte de madeira e ter acesso pela ponte de concreto. Mesmo faltando aterro e mais uma saia de concreto na cabeceira da ponte, no lado de Içara, motoristas se aventuram a atravessar a ponte. O único estorvo, neste momento, é o péssimo estado da estrada geral, que dá acesso entre Torneiro e Rincão.
Agora, muitos vão querer ser o “pai e mãe, avó, Avô da criança”, mas, na verdade, os verdadeiros responsáveis pela obra são as pessoas da comunidade, pois os políticos não fizeram ma-is do que a obrigação.

CHARGE

COLUNISTA - Edna BENEDET

Participação Política da Mulher e o novo Projeto Nacional de Desenvolvimento

Esse foi o tema do 8° Congresso da União Brasileira de Mulheres que aconteceu nos dias 10. 11 e 12, na cidade de Praia Grande – SP. O Congresso reuniu mais de 362 dele-gadas de vários Estados do Brasil. O Estado de Santa Cata-rina registrava a presença com 20 delegadas de diversos municípios. Içara estava representada com três delegadas.
Além da riqueza teórica dos debates, também se destaca a riqueza cultural do congresso, pois tivemos a oportuni-dade de trocar experiências com mulheres de diferentes lugares, conhecer diversas realidades de inclusão das mu-lheres nas inú-meras esferas da sociedade e nos espaços de poder.
O Novo Pro-jeto Nacional de Desenvol-vimento não pode deixar de apontar solu-ções para os problemas di-retamente li-gados à questão de gênero existente na nossa sociedade, deve priorizar políticas públicas que garantam a autono-mia econômica da mulher, que amplie a participação nos espaços de poder, no mercado de trabalho, que valorize a identidade, rumo ao avanço político, econômico e social, assegurando uma melhor qualidade de vida as mulheres e homens deste país.
Há 78 anos apenas, a mulher conquistou o direito a ci-dadania, o direito ao voto. Somos 56% da população, a maioria no colégio eleitoral, mais ainda, nossa participa-ção de espaço na política tem que avançar e muito.
Apesar da grande e significativa vitória da eleição da pri-meira mulher presidenta do Brasil, ocupamos menos de 15% dos cargos, um índice comparável ao Haiti, Ilhas Cay-man, Jamaica, Porto Rico, República Dominicana e Venezu-ela, que são países mais desiguais em termos de participação política no aparelho de Estado no que se refere a gênero.
No Brasil, a pouca presença feminina no Poder Executi-vo, que melhorou significativamente, pois atualmente 11 mulheres ocupam cargos no primeiro escalão do governo federal, piora significativamente no parlamento, pois as mulheres representam 45 entre 513 deputados federais, 22 em um Senado com 81 membros e duas dos 27 governa-dores. Em Santa Catarina, a realidade não destoa, pois nos 293 municípios, temos apenas 424 vereadoras; 15 prefeitas e apenas 4 deputadas. Essa realidade precisa ser mudada, precisamos avançar na construção de uma sociedade sem opressão, desigualdades sociais, ou qualquer discriminação fundada em classe, gênero, raça ou etnia.

POLÍTICA - Vereadores pedem prestação de contas da Ouvidoria Municipal

Operando desde o início do ano, a Ouvidoria Municipal de Içara foi alvo de dúvida e até crítica por parte de dois vereadores na sessão desta segunda-feira da Câmara Legislativa.

(Bruna Borges/Jornal Içarense)

A Ouvidoria Municipal, criada para ser um canal de interação entre a Administração Municipal e a comunidade, foi tratada com desconfiança por dois vereadores na sessão Legislativa de segunda-feira, dia 20.
Osmar Manoel dos Santos, o Marzinho (PP), fez um pedido de informação para que a Administração Municipal remeta um relatório ge-ral das atividades da Ouvi-doria, desde a instalação, ou seja, quais as sugestões, críticas, reclamações, denúncias ou solicitações apresentadas e se estas têm colaborado para melhoria dos processos de gestão, na qualidade de serviços prestados e no atendimento dos an-seios da sociedade.
“Ficaram um ano falando desta Ouvidoria. Contrataram gente de fora e gastaram muito dinheiro. Queremos ver se está dando resultado, se o município está resolvendo os problemas das pessoas”, justificou o vereador.
Apesar de não estar em um partido de oposição, co-mo Marzinho, o vereador A-cirton Costa (PMDB), criticou o departamento. “A Ou-vidoria está servindo como ‘cabide de emprego’”, disse. Porém, a observação de Costa pode estar ligada a uma desavença política, que transcende sigla partidária. É que o responsável pela Ou-vidoria é o integrante do Co-mitê Gestor, Gilmar Boni-fácio. Não é a primeira vez que o vereador fica contrariado quanto o assunto inclui o integrante da prefeitura. Em abril do ano passado Costa teceu duras críticas a Bonifácio, ofendendo a trajetória profissional. Até disse que ele teria "pouco tempo de vida na prefeitura". Porém, um tempo depois, em setembro, o vereador fez uma retratação, que foi lida durante uma das sessões da Câmara. A antipatia de Costa pelo integrante do Comitê Gestor tem origem na opinião diferente sobre os trabalhos da mineradora em Içara. Enquanto Bonifácio luta junto com o Movimento Içarense pela Vida (MIV) para impedir a instalação da mesma, o vereador articula politicamente para que isto aconteça. Foi até um dos que criou o projeto de lei que acabou derrubando a Área de Proteção Ambiental (APA) de Santa Cruz.
A Ouvidoria recebeu até junho 226 chamados, através da internet, por telefone e pessoalmente. Dos atendimentos feitos, 65,04% foram através da internet, 33,19% por telefone e 1,77% pessoalmente. O mês de março foi o que mais teve re-gistros de atendimento, 24,34% do total até o momento, sendo 55.
O atendimento é dividido nas categorias: Denúncia, Elogio, Pedido de Informação, Reclamação, Solicitação e Sugestão.

GERAL - Pavimentação da Terceira Linha é aprovado no CDR

O Conselho de Desenvolvimento Regional, graças ao empenho dos conzselheiros de Içara, aprovou a pavimentação dos 5,7 km de estrada que liga a Rodovia Lino Zanolli à BR-101.

(Divulgação)

O acesso da ICR-357 que liga a Rodovia Lino Zanolli à BR-101 teve o projeto de pavimentação aprovado nesta terça-feira, 21, pelo Conselho de Desenvolvi-mento Regional (CDR) da Secretaria de Desenvolvi-mento Regional (SDR) de Criciúma.
A primeira Assembléia Geral de 2011, realizada no município de Forquilhi-nha, contou com a presen-ça de todos os conselhos da AMREC (Associação dos Municípios da Região Car-bonífera), que aprovaram por unanimidade os proje-tos de Içara. Além da pavi-mentação, foi apro-vado também re-cursos para a aqui-sição de um novo trator agrícola.
“A pavimenta-ção da Terceira Li-nha já tem apoio do vice-governador E-duardo Pinho Mo-reira quando da sua visita à Içara, no dia 23 de maio. Com o sinal positi-vo da Secretaria de Desenvolvimento Regional vamos formalizar as documentações para que a obra seja licitada até o fim deste ano”, ressaltou o prefeito, complementan-do: “Se tudo ocorrer dentro do planejado iremos inau-gurar a primeira etapa, somando 2,5 quilômetros, até dezembro de 2012”.
A obra de 5,7 Km está or-çada em R$6.748.741,21.

POLÍCIA - Mais um acidente no trevo do Presidente Vargas

A Policia Militar Rodoviária Estadual de Içara atendeu a alguns casos de acidentes envolvendo veículos na Rodovia SC-444, e em um deles o motorista foi responsável em destruir um poste .

(Arquivo/Jornal Içarense)

A Polícia Militar Rodoviária Estadual (PMRv) de Içara atendeu a uma ocorrência envolvendo um veiculo, a situação seria rotineira se o caso não se tornasse curioso, já que o último poste restante na rótula do Presidente Vargas veio a baixo.
Segundo os soldados da PMRv de Içara que atendem as ocorrências naquela área informaram que a atenção dos motorista deve ser redobrada naquele ponto durante a noite, já que a visibilidade será muito baixa até que seja restabelecida a iluminação pública no local.
O acidente ocorreu no Km 1 da Rodovia SC-444, divisa entre Criciúma e Içara, após o motorista A.M.F., 20 anos, perder a direção do Corsa placas MDL-9680, de Criciúma, e sair da pista, causando ferimento na ca-roneira J.M.L., 40 anos. Uma outra ocupante do carro nada sofreu.
Ela sofreu fraturas nas costelas e na perna direita, sendo conduzida pelo Corpo de Bombeiros de Içara ao Hospital São José onde passou por exames e depois foi liberada.
O patrulheiro Silva, da PMRv, informou, através de relatos do próprio condutor, que um outro veiculo cortou a frente dele ao trafegar no sentido Içara. Ao perceber a colisão, foi rápido e conseguiu segurar a mãe com um dos braços aliado ao cinto que o segurava impedindo que ela fosse arremessada para frente.
O segundo veiculo envolvido no acidente não foi identificado, pois o motorista se evadiu do local. Não houve testemunhas.
Mais duas ocorrências foram registradas na manhã de ontem, na Rodovia SC-444, em Içara.
Um deles ocorreu próximo a subestação da Coopera-liança, em Sanga Funda, e deixou uma pessoa gravemente ferida. A jovem J.B.G, 24, dirigia um carro, placas MEO-4131, quando bateu atrás da motocicleta placa LWR-5702. Com o impacto, o motociclista, M.A.S, 34 , foi jogado para fora da pista. Ele foi levado ao hospital.
O segundo acidente foi em Vila Nova, perto do viaduto, envolvendo dois carros e um caminhão. Q.S, 87, estava dirigindo a Saveiro, placa LXV-0888 e bateu a-trás do Corsa placas MCX-8167, guiado por I.M, 43, que perdeu o controle e bateu no caminhão placas MCP-2615, de Içara. Ninguém saiu ferido na colisão

VARIEDADES - Assembleia de Deus de Içara celebra 30 anos com evento

Em 1981, Valdomiro Souza, pastor da Igreja de Criciúma, encaminhou o pedido de emancipação da Igreja de Içara; no dia 25 de junho do mesmo ano Içara teve o campo eclesiástico emancipado.

(Arquivo/Jornal Içarense)

A Igreja Evangélica As-sembleia de Deus de Içara comemora os 30 anos de e-mancipação eclesiástica com um grande congresso.
Começaram nesta quar-ta-feira, dia 22, e vão até domingo, dia 26, celebra-ções, todas as noites, no Templo Sede da Igreja.
O evento reúne pastores presidentes, autoridades políticas do estado e do município, pessoas que fi-zeram parte da história da Igreja, e muitos outros con-vidados. A expectativa é que cerca de oito mil pes-soas participem das come-morações.
No dia, 22 , será feita a abertura da festa, com a realização do Congresso Geral dos Adolescentes, o Adadi (Adolescentes das Assembleias de Deus de Içara). Nesta quinta-feira, dia 23, será comemorado o Congresso Geral dos Jo-vens, a Juadi (Juventude Unida das Assembleias de Deus de Içara). Nesses dois dias estará pregando Pas-tor Silvino Bezerra Júnior, de São Paulo. Os louvores serão entoados pela canto-ra Amanda Ferrari, de Campinas-SP.
No dia 24, será celebra-do o Congresso Geral dos Círculos de Oração Mascu-lino e Feminino.
E, finalmente, nos dias 25 e 26 de junho será cele-brado o aniversário da Igreja. Nesses três últimos dias pregará a palavra de Deus o pastor Jorge Rabelo, de São Paulo. Os louvores serão entoados pela dupla Luiz Carlos e Camila Fortes do Rio Grande do Sul.

ESPORTE - Rodada desta terça-feira foi adiada devido a chuva

Nesta terça-feira seriam realizadas duas partidas entre Lindomar Guollo x Lage Silva e Vida Sports x Casa do Rock, mas os organizadores preferiram transferir para a próxima semana.

(João Miguel Nietto/Jornal Içarense)

Devido a chuva a direção do Clube dos 50 transferiu as duas partidas da quarta rodada válidas pelo Campeonato Interno de Fu-tebol Suíço, Taça Supermercado Castagnetti/Casa do Lanche, disputadas na sede localizada no bairro Jaqueline, em Içara.
Os confrontos entre Lin-domar Guollo x Lages Silva e Casa do Rock x Vida Sports deverão ocorrer na próxima semana sem data certa no momento.
A competição é divida em dois grupos. Pela chave A aValvasori Contabilidade lidera a tabela classi-ficatória com quatro pontos, em três jogos foram uma vitória, um empate e uma derrota. Enquanto pela Chave B, a ponta da tabela estão com os atletas da Casa do Rock que somam sete pontos, com duas vitórias e um empate.
Devido ao feriado de Corpus Christi nesta quinta-feira não haverá rodada, os jogos devem ser realizados na sexta-feira, 24, entre Eberval Lodetti x Sapinho Pavimentações e Val-vassori Contabilidade x Pegadas Calaçados.
Se o tempo for de chuva os jogos serão adiados.

terça-feira, 21 de junho de 2011

CAPA: Edição2.132 - Içara, 21 de junho de 2011

Vila Nova vence o União da Praia na estreia do Içarense
(Bruno Dal Ponte/Divulgação)


Gentil divulga ações do governo
(Bruna Borges/Jornal Içarense)


GAECO aponta cinco envolvidos no caso das cédulas
(Arquivo/Jornal Içarense)


TRE aprova resolução que vai tratar das eleições no Rincão
(Kênia Pacheco/Divulgação)

EDITORIAL - GAECO aponta cinco envolvidos

O Inquérito Policial nº 005/2011 que investigava possível fraude na votação do veto do prefeito Gentil da Luz ao projeto de Lei que prevê a extinção da APA de Santa Cruz e reduz atribuições da Fundai, foi finalizado na última semana.
O Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), de Criciúma, divulgou o resultado das investigações que aponta cinco pessoas, quatro vereadores e uma pessoa ligada a Cooperaliança.
Os nomes não foram divulgados para decepção da opinião pública.

CHARGE

POLÍTICA - Gaeco aponta quatro vereadores em fraude sobre voto marcado

A investigação do Gaeco sobre as cédulas marcadas na votação do veto do prefeito, na Câmara, em 16 de maio, confirmaram as suspeitas de fraude no processo, indiciando quatro vereadores.

(Bruna Borges/Jornal Içarense)

O Inquérito Policial nº 005/2011 que investigava possível fraude na votação do veto do prefeito Gentil da Luz ao projeto de Lei que prevê a extinção da APA de Santa Cruz e reduz atribuições da Fundai, foi finalizado na última semana.
Nesta segunda-feira, dia 20, o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), de Criciúma, divulgou o resultado das investigações, que tiveram início devido a uma denúncia do Movimento Iça-rense pela Vida (MIV).
O inquérito apontou o envolvimento de quatro ve-readores, sem citar os nomes. Três deles “patrocinaram interesses particulares de uma Indústria Carbo-nífera que pretende se instalar no território do município de Içara, atos estes que configuram, em tese, os crimes de advocacia administrativa e prevaricação”, e mais um vereador, junto com um “alto funcionário da Cooperativa de Eletrificação”, que tiveram participação em “indevida marcação de voto”, “atos estes que configuram, em tese, os crimes de falsificação/a-dulteração de documento público e constrangimento ilegal”, confirmou a nota enviada à imprensa.
As investigações do Ga-eco citaram o envolvi-mento de Cooperaliança e que vereadores estariam sendo pressionados a atender interesses da cooperativa. “As investigações a-pontam que houve claro planejamento para marcação de voto visando à intimidação e represálias futuras a determinados vereadores, caso não agissem de acordo com os interesses da Cooperativa de Eletrificação de Içara”, disse a nota, completando: “Por fim, as investigações ainda detectaram a prática de possíveis atos de improbidade a-dministrativa contra alguns dos investigados, cu-jos indícios também estão sendo encaminhados ao Ministério Público da Co-marca de Içara para fins de instrução de eventual ação civil própria”. O Gaec, força-tarefa composta pelo Ministério Público estadual e as Polícias Civil e Militar, encaminhou o Inquérito ao Fórum de Içara. O ca-so agora está nas mãos do promotor Henrique da Ro-sa Ziesemer, que poderá entrar com ação penal e administrativa.
No dia 16 de maio, a equipe do Gaeco cumpriu ordem judicial para apreender as cédulas da votação secreta que decidia sobre a derrubada de veto do prefeito ao projeto de lei. A apreensão foi feita depois de finalizada a votação e anunciado o resultado.
O JI tentou contato com o responsável pela Coopera-liança sem sucesso.

GERAL - Gentil e Zanolli lançam revista para divulgar obras do governo

Elaborada pela Administração Municipal, a revista “Içara, uma cidade em transformação” foi apresenta nesta segunda-feira, no Centro de Eventos da FAI, na presença de políticos e servidores.

(Divulgação)

As obras e investimentos feitos nestes dois anos e seis meses de Administração Municipal do prefeito Gen-til da Luz e do vice José Za-nolli foram apresentados aos servidores da prefeitu-ra, secretários, políticos e comunidade em evento na manhã desta segunda-fei-ra, dia 20, no Centro de E-ventos da Fundação As-sistencial de Içara (FAI).
A apresentação contou com um vídeo relatando as benfeitorias da gestão mu-nicipal até então e a distri-buição de uma revista de 60 páginas, coloridas.
“Estou orgulhoso de fa-zer esta prestação de con-tas. É importante para que os membros do governo possam conhecer as nossas ações e transmiti-las a ou-tras pessoas. Alguns têm di-ficuldade de defender nos-so governo porque não têm os dados em mãos. A revista tem esta função”, explicou o prefeito durante a ceri-mônia.
O deputado estadual içarense, Adilor Gugliel-mi, o Dóia, também pre-sente no encontro e inte-grante da mesa de autori-dades, falou da ousadia do governo.
“O prefeito Gentil tem sido ousado devido a suas incessantes idas a Brasília em busca de recursos. Nós também estaremos à dis-posição para interceder junto com ele pelas obras de Içara”, enfatizou Dóia.
Quem também elogiou o trabalho do prefeito em Brasília foi o vereador A-cirton Costa, que compôs a mesa representando o Legislativo. “Muitos dizi-am que o prefeito estava mais em Brasília do que na prefeitura. Mas, se fi-carmos aqui esperando que osgovernantes tragam os recursos para nós, é muito difícil. Içara nunca viu tanto recurso como neste mandato”, ressaltou o ex-presidente da Câmara.
O vice-prefeito José Za-nolli exaltou a participa-ção dos servidores munici-pais. “Os servidores tam-bém são responsáveis pe-las conquistas deste gover-no”, destacou.
O prefeito ainda falou sobre o compromisso de tornar Içara mais humana.
“Quando eu e o Zé assu-mimos o governo, tínha-mos o compromisso de tor-nar Içara mais humana. Tomamos algumas medi-das que não agradaram a todos, mas hoje estamos vendo os resultados”, afir-mou Gentil da Luz.

POLÍCIA - Corpo de Bombeiros atendem a dois incêndios no Distrito

Corpo de Bombeiros de Içara atendeu neste fim de semana a dois incêndios na região litorânea, o primeiro foi contra uma casa no Rincão e o segundo atingiu um carro na Lagoa dos Freitas.

(Nicole Custódio/Divulgação)

O Corpo de Bombeiros de Içara teve muito trabalho neste fim de semana, já que teve que atender a dois incêndios no Distrito Balneário Rincão.
O primeiro deles ocorreu neste sábado por volta das 20h45min. Pela segunda vez em três dias, a casa an-tiga, de alvenaria, foi alvo de incêndio. A propriedade localizada na Zona Sul no Balneário Rincão mede cerca de 80 metros quadrados e, desta vez, teve dois cômodos atingidos pelas chamas.
De acordo com o Corpo de Bombeiros de Içara, não havia moradores no local e poucos móveis ocupavam a casa. Na última quinta-feira houve a primeira tentativa de incendiar o imóvel, com aspecto de abandono. A suspeita é de que as in-vestidas contra a casa sejam criminosas. Não há indícios de que o local seja usado como ponto de tráfico de drogas. O fato está sendo investigado pelos peritos do Corpo de Bombeiros de Içara e caso seja confirmado que o ato foi criminoso a investigação passará a ser da Polícia Civil.
Na tarde de domingo, u-ma casa de madeira foi destruída por um incêndio, no bairro Imperatriz, em Criciúma. No local moravam A.C, com dois filhos adolescentes e ninguém estava em casa no momento. O ex-marido é o suspeito de colocar fogo no imóvel, porque não aceitava a separação. Vizinhos avistaram o homem momentos antes circulando pela rua.
O segundo caso atendido pelos Bombeiros de Içara foi registrado na madrugada de domingo. Os soldados foram chamados para conter um incêndio em um Pólo, na Lagoa dos Freitas. Eles usaram cerca de mil litros para fazer o rescaldo, pois o veículo ficou totalmente destruído pelo fogo.
Conforme informações da guarnição de bombeiros, o proprietário do veículo comentou que as chamas começaram na parte da frente e logo se alastraram. Ele relatou aos bombeiros a suspeita de que o fogo tenha sido provocado pelo GNV (Gás Natural Veicular). O prejuízo foi material, ninguém se feriu.

VARIEDADES - Professora de Içara é convidada a apresentar trabalho em Brasília

O estudo da professora de Içara, Édina da Silva Freitas, foi escolhidos para ser apresentado em um seminário organizado pela Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro.

(Divulgação)

A professora Édina da Silva de Freitas, da Escola Estadual Antônio Colonet-ti, em Içara, foi convidada para apresentar o trabalho O gênero de opinião do Pro-grama Escrevendo o Futuro Estudo de Caso, no seminá-rio organizado pela Olim-píada de Língua Portugue-sa Escrevendo o Futuro.
O evento vai acontecer em Brasília nos dias 29, 30 e 31 de agosto de 2011, no Centro de Eventos e Con-venções Brasil 21.
Os convidados, que terão as despesas custeadas pela Olimpíada, participarão de três dias de conferên-cias, exposições de rela-tos, apresentações de pes-quisas acadêmicas sobre a Olimpíada e grupos de tra-balho. “Estou muito feliz pelo convite recebido. Para quem é professora da rede estadual, ser convidada para apresentação de tra-balho é gratificante. Reco-nhecimento e divulgação do estudo realizado du-rante o Curso de Mestra-do”, enfatiza Édina.
O encontro tem como o-bjetivo ser uma oportuni-dade de reflexão sobre a interlocução entre práticas didáticas e saberes acadê-micos; as possibilidades do ensino de língua portu-guesa com foco na escrita; a experiência de sala de au-la com vistas ao debate pú-blico; e as ações de forma-ção promovidas nas secre-tarias de cada escola.
A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Fu-turo é um programa de “for-mação em serviço” à dis-tância destinado a educa-dores de redes públicas en-volvidos com um concur-so nacional de redações, o ensino com foco na escrita.