O blog JIdiario agora é portal JInews.com.br, com muito mais interatividade e conteúdo atualizado a todo momento. Acesse e confira.

sexta-feira, 30 de julho de 2010

CAPA - Içara, 30 de julho de 2010

Decisão do Bocha será hoje na Cancha do Nanico







Políticos deverão ser banidos da diretoria do HSD







Polícia Civil investiga estupro com adolescentes de Pedreiras

EDITORIAL - HSD quer ficar longe de políticos

Um novo estatuto deverá ser aplicado na instituição hospitalar com o intuito de aumentar a fiscalização, substituindo o regimento vigente há 10 anos. Entre as novas normas, está a desvinculação de pessoas que exerçam cargos políticos ou que possuam ligações partidárias, o que teria sido uma solicitação dos integrantes do Conselho Diretor. Quando as mu-danças serão válidas? Ainda não se sabe, resta acompanhar o processo e descobrir.

CHARGE


.

Participe: Deixe abaixo o seu comentário, sua opinião.

POLÍTICA - Convocado presidente do Sindicato das Olarias de MF

O vereador Joaci Domingos Pereira, o Boca (PP), convocou para comparecer ao Legislativo o presidente do Sindicato das Cerâmicas Vermelhas para falar sobre estragos nas estradas.

O vereador Joaci Domingos Pereira, o Boca (PP), convocou para comparecer ao Legislativo de Içara, o Presidente do Sindicato das Cerâmicas Vermelhas de Morro da Fumaça, Sérgio Pagnan, para prestar informações sobre a retirada de argila no município.
“Recebemos reclamação das estradas, que estão ruins por causa da retirada do barro. Queremos saber se há algum projeto para as estradas, visto que nas gestões passadas eles ajudavam com o areão, e agora queremos saber como ficará a contribuição”, argumenta o edil sobre o caso.
De acordo com o presidente da Fundai (Fundação do Meio Ambiente de Içara), Geraldo Baldissera, foi realizada há aproximadamente 15 dias uma reunião entre a entidade, a Secretaria de Obras juntamente com Pagnan. “Foi traçado um acordo para a recuperação das estradas”, relata, acrescentando que quando foram verificar as denúncias sobre as ruas “as licenças estavam todas em dias”, finaliza dizendo que a localidade que mais efetuou reclamações junto a Fundai foi em Estrada do Rio Acima.
O presidente do Sindicato afirmou que não dará entrevistas sobre o assunto, e que somente se manifestará na Câmara, no dia 5 de agosto.
Até o fechamento da edição do JI, não foi possível entrar com contato com o secretário de obras José Eloir do Nascimento, que estava com o celular, mais uma vez desligado.
É importante lembrar ao leitor que Pagnan, em outra oportunidade, alguns anos atrás, esteve na Câmara de Vereadores para falar sobre o mesmo assunto e de lá pra cá não houve nenhum avanço.

COLUNISTA - Maso Nyetto


“O prefeito Clésio Salvaro está igual rato em guampa. Não tem mais saída, para onde ele sair fica ruim porque a maioria está aderindo à campanha da Tríplice. Acredito que se conversar, acaba se entendendo”. Ex-prefeito de Criciúma, Anderlei Antonelli (DEM), sobre a birra do tucano em querer apoiar a candidata adversária Ângela Amin (PP)

Segundo a assessoria de imprensa
da Administração Municipal de Içara a equipe técnica do Poder Público e a arquiteta Grasiele da Silva Pedroso, representante da empresa Hardt Engemin, de Curitiba, responsável pelo Plano Diretor (PD) da cidade, trabalharam na correção e complementação do volume de levantamentos do plano diretor municipal. “Foram atualizados e corrigidos os dados existentes”, argumentou Grasiele.
Na tarde da última quarta-feira (28), o coordenador do núcleo gestor, Gilmar Axé, acompanhado do procurador do município, Walterney Réus, estiveram na Companhia de Desenvolvimento do Estado de Santa Catarina (CODESC) para viabilizar um novo crono-grama de trabalho em conjunto com o consórcio, tendo um prazo maior de conclusão. A meta é de que, no prazo, máximo, de 100 dias seja concluindo o Plano Diretor, com a participação efetiva da comunidade.
Nesta sexta-feira, às 17h, haverá uma reunião com o núcleo gestor do Plano Diretor para apresentação dos trabalhos realizados durante o mês com a dis-cussão do cronograma.
É, está na hora do PD sair do papel e ser colocado na prática. Deixar o blá blá blá para o vamos ver. O povo está de olhovivo.

Rápidas
* O primeiro santinho de candidatura de 2010 que recebi e vi foi do Engenheiro Paulo Squizzato, que é vereador de Treviso e disputa uma vaga na Câmara Federal em 3 de outubro. É a tal falta de grana
* Depois de 15 anos os quiosques na orla do Balneário Rincão devem ser retirados Não cabe mais recurso contra decisão judicial que determinou a demolição até dia 19 de agosto.
* O Cartório Eleitoral de Içara, segundo o Cadastro Nacional de Eleitores, repassou que 42.341 eleitores estarão aptos para votarem nas 135 secções espalhadas em 43 locais. Já titulos cancelados são 2.443.
* Além do deputado federal João Pizzolatti (PP) , que teve candidatura rejeitada pelo TRE, Sérgio Nercides de Oliveira (PMDB) e Adilson Mariano (PT), Décio Góes (PT) e Wellington Roberto Bielecki (DEM).
* Os advogados de Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB), afirmaram que não recorrerão contra algumas multas aplicadas pelo TSE), que variam de R$ 5 mil a R$ 20 mil. Marina Silva ainda não foi multada.
* O senador Fernando Collor de Mello (PTB), candidato ao governo de Alagoas pelo PTB, terá que tirar o jingle: “ê Lula apoiando Collor, e Collor apoiando Dilma pelos mais carentes... e os três para o bem da gente.”
* Ao contrário do sobrinho Clésio Salvaro (PSDB), prefeito de Criciúma, o empresário Henrique Salvaro definiu apoio ao candidatos da Tríplice Aliança, Raimundo Colombo (DEM) e Eduardo Moreira (PMDB).

Frase
”O homem prudente não diz tudo quanto pensa, mas tudo quanto diz”. (Aristóteles - filósofo grego - 64 a.C - 124 a.C)

GERAL - Novo estatuto do HSD poderá desvincular políticos da diretoria

Modelo do novo estatuto deverá ser apresentado em reunião no próximo mês; e regimento prevê ainda a criação de um Conselho Deliberativo para aumentar fiscalização na instituição.

Conforme solicitação do Conselho Diretor do Hospital São Donato de Içara, a instituição deverá adotar novo estatuto, o qual terá modelo apresentado no próximo mês.
Entre as principais modificações implantadas está a desvinculação de pessoas políticas no comando do hospital.
“Se os membros do conselho acreditam que os políticos fazem má gestão, então será uma mudança boa”, declarou Acirton Costa, que é presidente da instituição e da Câmara Legislativa de Içara.
Para o político, o novo estatuto proporcionará maior transparência nos trâmites administrativos, já que prevê a criação de um Conselho Deliberativo, composto por 18 pessoas. “A fiscalização será maior, o que diminuirá as chances de desvios. O hospital ficará mais aberto à população”, acrescentou.
Na reunião em que o regimento será apresentado, os membros do conselho poderão sugerir alterações, além de decidir se será aplicado no mandato atual ou no próximo.
A diretora administrativa do HSD, Cleide Geremias, destaca que na ocasião será realizada também a prestação de contas deste ano, que vem sido fundamentada há alguns meses.
Já a Polícia Federal permanece ouvindo os envolvidos nos procedimentos do Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo o delegado Rafael Broietti, a auditoria realizada pela Secretaria Regional de Saúde se encontra próxima da conclusão, apesar de não estimar uma data. Novos agentes deverão ser enviados, para que a investigação seja estendida a todos os setores da instituição hospitalar.

POLÍCIA - Polícia Civil de Içara investiga caso de estupro no bairro Pedreiras

A Polícia Civil de Içara começou a investigar na manhã de ontem, um estupro contra duas adolescentes, residentes em Pedreiras, no Distrito Balneário Rincão, e ainda não tem suspeito.

Os investigadores da Polícia Civil de Içara começaram uma delicada investigação na manhã desta quinta-feira. Eles estão a procura pelo suspeito de estuprar duas adolescentes na noite desta quarta-feira, no bairro Pedreira, no Distrito Balneário Rincão, em Içara.
De acordo com informações do delegado Rafael Iasco Marin, as garotas, uma de 15 e outra de 16 anos, teriam saído para fazer um lanche em um estabelecimento próximo da residência no bairro Pedreiras, homem teria se aproximado das garotas, em uma moto e teria ameaçado as duas com uma arma. Depois de levar as adolescentes para um lugar deserto na Urussanga Velha, ele teria cometido o estupro nas duas menores, que ficaram sobre a mira do revólver.
“As meninas estão muito assustada ainda, fazendo com que o depoimento demore um pouco para se finalizar, nossos investigadores já estão nas ruas colhendo novas informações sobre os meliantes”, comentou o delegado, que ainda não tem nenhum suspeito.
Marin confirmou que o responsável pode ser uma pessoa conhecida, já que conhecia a movimentação da localidade. “O que mais aconselhamos é que jovens mulheres e crianças, nunca saiam sozinhos mesmo que sejam em sua localidade, tipos de marginais como esse aproveitam o descuido de moradores para realizar atos semelhantes”. finalizou o delegado.
A polícia tem conhecimento de que um homem que comete o crime com essas mesmas características estaria atuando também na região de Criciúma.
Na tarde de ontem um traficante foi preso em flagrante no Balneário Rincão depois de oferecer uma quantidade de maconha aos delegados Rafael Iasco Marin e Fernando De Faveri, que estavam atrás de pista do estuprador. Ao perceber que havia oferecido a droga as pessoas erradas o traficante estava detido.

VARIEDADES - Projeto Segundo Tempo troca bola por festa julina

O Projeto Segundo Tempo, idealizado pelo Ministério dos Esportes, atende 11 núcleos com mil crianças, em parceria com Administração Municipal e Sindicato dos Servidores Públicos.

O Projeto Segundo Tempo, ação criada pelo Ministério dos Esportes, é realizado em Içara numa parceria entre o Instituto Contato, o Sindiserpi (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Içara) e prefeitura municipal, cuja proposta é a realização de atividades escolares, proporcionando assim esporte e lazer a crianças e adolescentes em desvantagem social no contra turno das aulas em escolas públicas.
Atualmente o Projeto conta com 11 núcleos, atendendo aproximadamente mil crianças e adolescentes com idades variando entre seis e 17 anos.
Conforme o coordenador técnico do Recreio nas Férias do “Segundo Tempo” em Içara, professor Paulo Roberto Sabino Joaquim, essa é uma atividade realizada com as crianças durante o recesso escolar.
Para finalizar essa etapa, acontecerá nesta sexta-feira, dia 30, entre às 9h e 16h, uma festa julina no Complexo Esportivo João Ramos Rousseng. Encerra assim o “Recreio nas Férias”, desenvolvido desde segunda-feira pelo Programa Segundo Tempo.
O objetivo da iniciativa é manter as mais de mil crianças e adolescentes atendidas pelo programa em 11 comunidades de Içara, com atividades de lazer, esporte e cultura durante esse período sem aulas nas redes públicas de ensino.
Segundo Sabino, a festa julina contará com todos os ingredientes tradicionais – pinhão, pipoca, cachorro-quente, entre outros -, e apresentações de danças típicas (quadrilha).
Os núcleos do programa das comunidades Presidente Vargas, Nossa Senhora de Fátima, Jardim Silvana, Cristo Rei, Bairro Aurora (Mineração), Boa Vista, Vila Nova, Pedreira, Lagoa dos Freitas, Balneário Rincão e Barra Velha organizaram os grupos de danças (quadrilhas) e se apresentarão durante o dia.
Além disso, outras apresentações artísticas como o “Bate-lata” e de hip-hop estão agendadas.
O Programa Segundo Tempo é mais um programa idealizado pelo Ministério do Esporte, destinado a democratizar o acesso à prática esportiva, por meio das atividades esportivas e lazer realizadas no contra-turno escolar. Tem a principal fina-lidade de colaborar para a inclusão social, bem-estar físico, promoção da saúde e desenvolvimento intelectual e humano, e assegurar o exercício da cidadania.
O programa caracteriza-se pelo acesso a diversas atividades e modalidades esportivas (individuais e coletivas) e ações complementares, desenvolvidas em espaços físicos da escola ou em espaços comunitários, tendo como enfoque principal o esporte educacional. Público alvo: O programa tem como público-alvo crianças e adolescentes expostos aos riscos sociais.

ESPORTES - Decisão da Bocha será no Jaqueline


Tudo pronto para a decisão do Campeonato Içarense de Bocha, Taça Salmi Automóveis/Toninho Estofaria, hoje, às 19h45min, na Cancha do Nanico, no bairro Jaqueline, entre Gonçalves Esportes e Transportes Raichaski.
Na terceira colocação ficou a Vidraçaria Santa Luzia, enquanto o Darolt conquistou a quarta posição.
A competição, organizada pela Fundação Municipal de Esportes, iniciou em 30 de março com a participação de 30 equipes dos diferentes bairros da cidade, totalizando cerca de 180 atletas, que deram uma verdadeira amostra de esportividade durantes os jogos em diversas canchas.

ESPORTES - Últimos dias para se inscrever na corrida de São Donato

As escolas e as pessoas que quizerem participar da Corrida de São Donato tem até o final do dia de hoje para se inscrever pelo e-mail da FME ao na sede da entidade, no Módulo Esportivo.

A Fundação Municipal de Esportes (FME) de Içara realiza no dia 7 de agosto, a partir das 14h, a 1ª Corrida de São Donato, com percurso entre o Bairro Aurora (Mineração) e o Centro da cidade, diferenciando a trajetória por categorias.
As inscriçõesencerram nessa sexta-feira, dia 30 de julho. Os interessados devem comparecer na sede do órgão municipal, no Complexo Esportivo João Ramos Roussenq, ou confirmar a participação pelo e-mail fme@icara.sc.gov.br.
O evento também contará com a participação das escolas que serão premiadas, se tiverem o maior número de inscritos, com troféu de participação mais um kit esportivo (uma rede de voleibol, três bolas de vôlei, duas bolas de futsal, duas bolas de basquete, duas bolas de handebol, quatro raquetes de tênis de mesa, dois suportes com rede de tênis de mesa e 10 bolinhas de tênis de mesa).
Além dos estudantes das escolas os interessados em participar da 1ª Corrida de São Donato poderão se inscrever nas categorias Aberto (acima 19 anos) – 12 km; Sub-16 (14 a 16 anos) – 7 km; e Sub-13 (10 a 13 anos) – 4 km.
A corrida marcará um ciclo de competições que deverão acontecer todos os anos durante as comemorações do padroeiro da cidade de Içara, São Donato.
A tendência é de que a Fundação Municipal de Esportes de Içara implante novas modalidades no decorrer dos anos.

quinta-feira, 29 de julho de 2010

ESPORTES - Atlético Içarense está se reforçando para disputar o regional da LARM

Comissão técnica da equipe içarense, que representa o município na Série B do Regional da Liga Atlética da Região Mineira, está contratando reforços para fazer a diferença na competição regional.

Pelo segundo ano consecutivo o Atlético Içarense vai participar, junto com outros 10 clubes,do Campeonato Regional da Série B (Segundona) organizado pela Liga Atlética da Região Mineira (LARM).
O atlético é a única equipe representando Içara enquanto os demais clubes da competição regional são de Criciúma. Além da categoria titular os representantes da Série B devem apresentar um plantel Sub-18 para a disputa que será realizada na preliminar de cada partida.
Para passar para a segunda fase do Regional da LARM, o Atlético Içarense terá pela frente o São Luiz e o União, os integrantes da Chave C da competição. No Grupo A ficaram Ipiranga de Figueira, Pesada e Sombrio. E o Grupo B é completado pelo Meleiro, Universo e o Vasco.
A fórmula de disputa do Campeonato da Série B ocorreu nesta terça-feira, dia 27.
Para garantir o passaporte para às semifinais os times tem que ficar em primeiro lugar nas respectivas chaves, além do segundo melhor colocado geral.
O início da disputa pela Taça Rio Deserto será no dia 29 de agosto. Contudo, os içaren-ses não entrarão no gramado nesta data por estarem de folga já na primeira rodada que terá os confrontos entre Ipiranga x Pesada, Vasco x Meleiro e São Luiz x União.
O presidente da equipe representante de Içara, Lorival Medeiros (Vá), afirmou ser o segundo ano de participação da equipe, e que em 2009 conseguiram garantir um terceiro lugar, o que foi muito satisfatório. “Tomamos conhecimento dos cruzamentos esta semana, e acredito que teremos muitas dificuldades pela frente, pois as equipes do grupo são bem fortes”, explicou Vá.
Ele acrescentou que a equipe ainda não está totalmente definida e que está o-bservando alguns jogadores da cidade. “Estamos acompanhando outros atletas e da formação do time que disputa o Campeonato Içarense apenas três ou quatro irão reforçar a equipe que vai disputar o Regional da LARM”, finaliza.

CAPA: Edição1.917 - Içara, 29 de julho de 2010

Gentil afirma que Zanolli está o substituindo á altura






Trotes prejudicam serviços dos bombeiros e da Polícia Militar







Bittencourt é um exemplo de voluntariado

EDITORIAL - Gentil deve estender licença

A licença de Gentil da Luz vence no dia 2 de agosto, após 60 dias de descanso, mas, possivelmente, o peemedebista deve estender por mais um tempo, devido a recuperação da cirurgia da hérnia umbilical e cisto cebáceo.
Em entrevista, ele afirmou confiar no trabalho do vice-prefeito José Zanolli, que é trabalhador e dinâmico e traz no sangue o gosto pela política, através do pai, o ex-prefeito Arthur Zanolli.
Se a sintonia entre os dois continuar até o final do mandato, quem ganha com isso são os munícipes içarenses.

EDITORIAL - Gentil deve estender licença

A licença de Gentil da Luz vence no dia 2 de agosto, após 60 dias de descanso, mas, possivelmente, o peemedebista deve estender por mais um tempo, devido a recuperação da cirurgia da hérnia umbilical e cisto cebáceo.
Em entrevista, ele afirmou confiar no trabalho do vice-prefeito José Zanolli, que é trabalhador e dinâmico e traz no sangue o gosto pela política, através do pai, o ex-prefeito Arthur Zanolli.
Se a sintonia entre os dois continuar até o final do mandato, quem ganha com isso são os munícipes içarenses.

CHARGE


.

Participe: Deixe abaixo o seu comentário, sua opinião.

COLUNISTA - Susiane Mendes


Assédio moral, acidente de trabalho?

Muito se tem falado ultimamente em assédio moral. Tal conduta traz consequências para o trabalhador que podem perdurar por anos, sendo fator de estresse, de desestruturação moral e até mesmo social, muitas vezes chegando à depressão profunda. O assédio moral é toda conduta abusiva da empresa, gerente ou superior hierárquico do trabalhador, que, por repetição ou sistematização, atenta contra a dignidade ou a integridade de uma pessoa, tornando insuportável o ambiente do trabalho.
Exemplos de assédio moral são apelidos pejorativos, rigor excessivo no trato com o funcionário, e toda conduta que gere a exposição do trabalhador a situações constrangedoras ou humilhantes. O direito à indenização em casos de assédio moral está previsto na própria Constituição da República, quando garante a dignidade da pessoa humana, colocando-a no rol dos fundamentos da República.
Entretanto, sabendo que a capacidade laboral, pela qual o trabalhador desempenha as funções e garante o emprego, é um bem de valor inestimável ao mesmo, cabe uma reflexão: somente a indenização resolve a situação do trabalhador que teve a capacidade laboral sistematicamente destruída através do assédio moral?
Entendemos que não, pois o trabalhador que deixa o emprego após sofrer com assédio moral dificilmente retornará ao mercado de trabalho com a mesma capacidade para o trabalho. Portanto, atualmente já se considera a possibilidade da caracterização das lesões decorrentes do assédio moral como doença do trabalho. Tal reconhecimento traz ao trabalhador uma série de benefícios, como o afastamento do trabalho para tratamento, assim como ocorre quando o trabalhador adquire uma doença laboral e a estabilidade no emprego quando o mesmo estiver recuperado e retornar as funções.
Com tal reconhecimento, o empregador deve emitir a CAT sempre que do assédio resultar doenças físicas ou psíquicas que podem ser consideradas como doenças do tra-balho e sempre que existir o nexo entre a conduta de um superior hierárquico que assediou moralmente o empregado e a doença eclodida.
Tal hipótese é perfeitamente permitida pela legislação em vigor, uma vez que reconhece como sendo laboral a doença que, ainda que não incluída nos incisos no rol das consideradas laborais, "resultou das condições especiais em que o trabalho é executado e com ele se relaciona diretamente ..." Entretanto, enquanto uma legislação expressa e direta não reconhecer o direito do trabalhador assediado moralmente a ter reconhecido esse assédio como acidente de trabalho, e esta mudança já está sendo apreciada, ainda devemos recorrer ao judiciário para que tal direito seja reconhecido. Afinal, o trabalho é fonte de dignidade ao ser humano, assim, a capacidade laboral, devendo esse bem ter a mais ampla e efetiva proteção.

POLITICA - Conselho de Saúde do Raichaski pede explicação sobre terrenos

Representantes do Conselho Local de Saúde não aceitam que a Administração Municipal retire da entidade dois terrenos doados anteriormente, devido a construção do posto de saúde.

Representantes do Conselho Local de Saúde do Raichaski estiveram reunidos na tarde desta quarta-feira no plenarinho Adão Santos Moreira, na Câmara Municipal, com vereadores e lideranças da Administração Municipal, entre elas a gestora de Saúde, Mira Dagostim, que substituiram o prefeito em exercício José Zanolli.
O vereador Osmar Manoel dos Santos, o Mazinho (PP), marcou a reunião a pedido da presidente do Conselho Local de Saúde, Rosângela Teixeira. “O Zé disse que faria reunião com eles e não fez, e está retirando dois terrenos que pertenciam ao Conselho de volta para a prefeitura, visto que seria construído a unidade de saúde”, argumenta Marzinho sobre o caso, salientando que no local há mais terrenos que poderiam ser reintegrados.
Contudo, de acordo com o PE 073/2010, que revoga as leis 2.375 de 14 de maio de 2007 e 2.615, de 25 de julho de 2008, determina que os imóveis sejam utilizados para a construção da unidade de saúde, visto que 10% do recurso já está disponível através do Governo Federal, como informou a gestora da saúde, Mira Dagostim.
Em relação aos quatro terrenos, dois estão comprometidos com a educação e os outros retornarão à prefeitura.Os representantes do Conselho não tiveram a resposta que queriam.

COLUNISTA - Maso Nyetto


Entrevista com Gentil da Luz
Avaliação da dos 60 dias de administração de José Zanolli?
O Zé está dando continuidade às ações que vinham sendo desenvolvidas. Viabiliza-mos os projetos em Florianópolis e Brasília para garantir uma melhor qualidade de vida aos içarenses. Concentramos nosso trabalho na elevação do IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), ampliando e melhorando os programas sociais, investindo na Saúde, na Educação, e os resultados foram notáveis! Veja, por exemplo, a excelente colocação dos alunos da rede municipal de ensino no IDEB. Quero citar também a nossa Assistência Social, que já é referência no Estado. A Habitação, que deu um salto nesta gestão: vamos inaugurar 182 apartamentos e 96 casas populares. São muitas famílias beneficiadas. É um número considerável. Também distribuímos mensalmente mais de mil cestas de complementos alimentares. Na Agricultura tivemos um avanço imenso, conseguimos retroescavadeira, caminhão isotérmico, várias espalhadeiras, tudo através do Ministério de Agricultura. Enfim, é todo um trabalho conjunto constante e focado no desenvolvimento humano. O José Zanolli é dinâmico, trabalhador e dedicado, não precisa falar muito, é filho do ex prefeito Arthur Zanolli e da Santina. Neste período como prefeito da cidade concentrou os trabalhos na infraestrutura, entregou as ordens de serviço da Esplanada, Sanga Funda, Diomício Freitas, Luiza Barp, obras importantes que conseguimos junto ao estado. Estou muito tranqüilo e confiante com o Zé Zanolli no comando.
Confirma o apoio à deputada Ada De Lucca e a Ronaldo Benedet? Farei parte da coordenação da deputada Ada e meu voto é Ronaldo. Ada tem ajudado muito a cidade de Içara, várias das obras que estamos realizando são frutos do seu empenho, e posso citar aqui a pavimentação da Esplanada, Barracão à Sanga Funda, a unidade de saúde do bairro Elizabete, da Barra Velha e também a informatização do hospital São Donato. Além de competente, determinada e íntegra, ela é esposa do içarense Walmor De Luca, que já foi deputado por quatro vezes, que trouxe a primeira unidade de saúde para o município, quando foi secretário da Saúde. Já Ronaldo será um grande deputado, foi estadual e agora será federal.
Qual a análise do governo Gentil/Zanolli até agora?
Um governo com diferencial de qualidade, moderno, arrojado, e principalmente: focado nas pessoas. Nós nos elegemos com a proposta de fazer uma administração voltada às pessoas, isso ficou bem claro desde o início. Pensamos principalmente nas necessidades de cada indivíduo, família e comunidade. Essa é a diferença. Ao invés de grandes obras de fachada, grandes obras humanas. Aquela visão de administração “concreteira”, de decisões ditatoriais, sem participação popular, não é a nossa linha de atuação. Nosso foco é o desenvolvimento humano. Veja bem: quando iniciamos a gestão Içara tinha o IDH mais baixo da região carbonífera, uma vergonha. Não se podia ignorar uma realidade dessas. A prioridade tinha que ser a educação, a saúde, a assistência social, a qualidade de vida. Deu para priorizar as pessoas e ainda realizar diver-sas obras, graças a Deus. Já estamos asfaltando mais de 15 km, construindo escola e creche, construindo 9 unidades de saúde - um fato inédito em Içara! A cidade tem 49 anos e todas as unidades de saúde funcionavam em prédios alugados. Nós mudamos este conceito. Hoje pensamos em projetos de grande porte, mas para isso dependemos de recursos dos governos federal e estadual. Quero dizer que o nosso foco continua o mesmo: as pessoas em primeiro lugar. Por ser uma visão nova na cidade, e tudo o que é novo encontra resistência no início, enfrentamos algumas críticas no começo. Agora, no entanto, parece estar havendo uma sintonia maior entre povo e poder público, as coisas estão caminhando muito bem.

GERAL - Bombeiros Comunitários pedem ajuda aos içarenses

Associação dos Bombeiros Comunitários realiza campanha para angariar fundos para manutenção dos serviços; em momentos de dificuldades o Funrebom é alternativa para o grupo.

”Ajudem a socorrer os Bombeiros Comunitários de Içara”, quem faz a alegação é o Capitão Alexandre da Guarnição do Corpo de Bombeiros do município. Para angariar recursos, o grupo está realizando a campanha S.O.S Bombeiros Comunitários.
A iniciativa será estendida aos bairros a partir do próximo mês, sendo descontada diretamente na fatura do Sistema Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae).
A arrecadação será destinada à compra de equipamentos de proteção pessoal, uniformes e custeio da alimentação, já que o Estado contribui apenas para a qualificação e instrução dos Comunitários.
Conforme o capitão, os 75 voluntários são fundamentais para a execução dos trabalhos. “Sem eles teríamos que escolher qual ocorrência atender primeiro. O Bombeiro Comunitário supre a falta de pessoal”, relatou.
Atualmente o grupo recebe doações de alimentos e em momentos de maiores dificuldades recorre ao Fundo Municipal de Reequipamento do Corpo de Bombeiros (Funrebom). Existente em função de uma lei, a qual permite que a taxa do Estado, permaneça no município para utilização da guarnição.
Para fins de prestação de contas, o fundo possui um Conselho Diretor, o qual é presidido pelo chefe do Executivo. Segundo o capitão, o recurso funciona como um complemento para as despesas do batalhão, já que é insuficiente para a-quisições expendiosas, como compra de equipamentos. Mas, os bombeiros efetivos também passam por dificuldades. Desde o dia 8, o único caminhão tanque da guarnição está fora de funcionamento, após atender um incêndio em uma carreta, na Esplanada. Segundo informações do batalhão, o caminhão teria “sido muito usado”, o que danificou uma peça da máquina. A previsão é de que o caminhão volte a ativa nos próximos dias.

POLÍCIA - Trotes prejudicam os serviços de emergência no município

Responsáveis pelos serviços de emergência de Içara reclamam dos trotes realizados aos órgãos públicos, na maioria por menores, que prejudicam o andamento dos trabalhos de emergência.

Os trotes para órgãos públicos, principalmente as ligadas a segurança, como Corpo de Bombeiros, Polícias Militares e Civis ainda são os que mais sofrem com esse transtorno.
O estado do Rio de Janeiro, aprovou nesta última semana, uma lei que pune os trotes aos serviços de emergências. De acordo com a nova lei, publicada segunda-feira no Diário Oficial, o responsável pelo acionamento indevido dos serviços telefônicos de atendimento a emergências deverá ressarcir aos cofres públicos as eventuais des-pesas relacionadas ao atendimento. O pagamento será feito mediante cobran-ça na fatura de serviços telefônicos da linha utilizada para a chamada
As guarnições do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar e da Civil são a favor desse tipo de lei que seria grande importância em todo o país.
A Polícia Militar Rodoviária Estadual (PMRv) de Içara, através do Soldado Isaias, informou que casos como esse são normais. “É difícil passar um dia sem alguma ligação falsa e por ser a maioria delas de telefones públicos, o caso muitas vezes é ignorado. Caso alguma, viatura esteja perto da fonte da ligação até mandamos alguém para checar a ocorrência, mas na maior parte das vezes, a pessoa já não se encontra mais no local”, completou o soldado.
Os casos de trotes são semelhantes com a guarnição dos bombeiros. O responsável pelo número de emergência da corporação (193), o Sargento Correia, afirma que os trotes são comuns, e mesmo com as tecnologias nos diasde hoje, muita gente ainda passa trote, e com isso, muitas vezes, atrapalha o serviço de uma o-corrência verdadeira”, ressalta. Ele acrescenta: “Os casos mais graves são investigados, mas a maioria dos trotes acaba sendo ignorando, já que não temos ‘poder`para autuar o infrator”, finaliza o bombeiro militar.
Já no Batalhão da Polícia Militar de Içara, o Major Fraga, responsável pelo setor de ocorrências de Içara e região, confirma que os trotes são feitos quase que diariamente, aplicados tanto por crianças quanto por adultos. “Todos os meses é feito um levantamento dos boletins, e somente no mês de junho foram atendidos 20 mil ocorrências, destas, 2 mil foram consideradas trotes, sendo que uma única pessoa realizou 56 chamadas, e 30 delas em um único dia”, explicou. Questionado, sobre o que é feito em casos como esse Fraga foi enfático: “Os principais casos são encaminhados ao Ministério Público, onde é feito um relatório para a identificação dos número e assim poder atuar o mesmo e os demais são arquivados”, complementa.
Fraga afirmou que não existe nem um registro de alguma pessoa que tenha sido autuado por trotes até o momento. A Polícia Militar está trabalhando, apoiado na Lei de N° 14953 de 12 de dezembro de 2009, chamada Lei do Trote, sendo esta a única forma de tentar coibir casos que se assemelham aos trotes telefônicos.
Na Delegacia de Polícia Civi de Içara não é diferente dos demais órgão de segurança do município e a Central de Ocorrências também sofre com os trotes, principalmente no período noturno. Os plantonistas afirmam que durante o dia os casos são mais raros, mas a noite os trotes são mas frequentes, geralmente em momentos de maior movimento na delegacia.
E o que mais chama atenção dos investigadores civis é que a maioria das pessoas ligam simulando algum tipo de ocorrência, para chamar a atenção. Uma parte dos casos são verificados, mas a maioria são ignorados devido à preocupação com os casos que tenham veracidade no município.

VARIEDADES - Voluntário há 15 anos da Apae relata experiência

Natalino Bittencourt, de 76 anos, presta serviços voluntários há 15 anos para a entidade e revela como se sente em relação à isso, relembrando fatos que o emocionaram na Escola Especial.

De acordo com a definição dos dicionários, o trabalho voluntário é toda atividade desempenhada no uso e gozo da autonomia do prestador do serviço ou trabalho, sem recebimento de qualquer contra prestação que importe em remuneração ou auferimento de lucro. Em grande parte das entidades sem fins lucrativos, é dessa forma que os trabalhos ganham continuidade e reconhecimento.
Para Natalino Bittencourt, de 76 anos, o trabalho voluntário é algo que se faz presente em seu cotidiano há muito tempo, visto que exerce a atividade há 15 anos na Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), a Escola Especial Sonho Dourado, do município de Içara.
Ele revela que o voluntariado começou através da filha Cristina, que trabalhou como professora na entidade. “Começou em função dela”, relata, acrescentando como se sente em relação ao fato. “É gratificante e torna-se uma ocupação”, revela, lembrando que quando morava na localidade de São Simão, ajudava no transporte dos doentes para outros lugares quando não havia ninguém para fazê-lo.
Sobre o serviço prestado na entidade, ele diz que auxilia na área de construção e manutenção da sede. “Ajudamos a construír o campo de futebol, que antes era um terreno vazio. Participo buscando e trazendo materiais”, conta.
Dentre os resultados mais significativos, Bittencourt se emociona ao dizer que “o carinho das crianças é a recompensa”, e recorda-se do dia que prestou serviço de motorista, “levando as crianças embora, vendo o carinho dos parentes recebendo as crianças”, e presta elogio à elas e a equipe de profissionais da Apae. “Os alunos são comportados e a equipe dos profissionais é muito boa. Vou continuar sendo voluntário até quando eu puder me mexer, isso é muito importante, e é preciso de mais gente disposta a se doar”, finaliza.
Para a diretora Clair Martinello Faraco, o trabalho voluntário é de “suma impotância. Conforme o estatuto, os membros da diretoria também são voluntários. Eles são os braços direito da entidade”, compara Clair, enfatizando que “o olhar dessas pessoas que vem de fora contribui para que junto com o nosso, possamos criar inovações”, finaliza.
Quem quiser conhecer o trabalho da APAE, o telefone para contato é 3432 3184, localizada na rua Amaro Maurício Cardoso, número 915.

DISTRITO - Olho vivo no Rincão

A Colônia de Pescadores Z-33 registrou a visita de um leão-marinho na orla do Balneário Rincão, na divisa com a Barra do Torneiro, em Jaguaruna, nesta terça-feira. O animal, que procura água mais quentes no fundo do mar e fria na superfície em busca de alimentos, parou por aqui para dar uma descansada e deve seguir a viagem para o Sul nos próximos dias.

DISTRITO - Vigas da Ponte do Torneiro serão instaladas em 40 dias

Construtora responsável estabelece prazo para continuação da obra e solicita melhorias nas condições do acesso à localidade e moradores reclamam que nenhum serviço está sendo realizado.

Desde 2008, moradores da localidade da Barra do Torneiro têm se manifestado pela ponte de travessia do Rio Urussanga, que liga Içara e Jaguaruna. O novo protesto da comunidade é motivado pela demora na realização dos serviços.
Entre os descontentes está o morador Wilson Felicidade, afirmando que um engenheiro esteve no local, mas nenhum serviço é realizado há muito tempo.
“Um fala uma coisa, outro diz outra. A comunidade só queria saber o que está sendo feito para que a obra seja concluida”, questiona Felicidade, acrescentando que a ponte de madeira representa perigo à comunidade, sendo que três motociclistas já cairam no rio. Um dos acessos a localidade, pela Estrada Geral do Balneário Rincão, se encontra intransitável.
O secretário de Obras de Jaguaruna, Mário Goulart Ferreira, afirma que os trabalhos estão em andamento. Segundo ele, as vigas estão todas prontas, mas é necessário aguardar que elas sequem para que possam ser fixadas.
Ferreira relatou que a Construtora Confer, responsável pela obra, estabeleceu o prazo de 40 dias para o início da instalação das vigas. A empresa teria solicitado também melhorias no acesso a cabeceira da ponte, já que há dificuldade na tramitação dos caminhões de materiais.
O secretário ressaltou que as condições climáticas estão alterando a normalidade da execução dos serviços da ponte.
A obra está sendo realizada com o montante de R$ 300 mil do Governo do Estado. Já as contrapartidas de cada prefeitura que eram inicialmente de R$ 150 mil, poderão sofrer aumento em função da demora do serviço.
Até o fechamento da edição não foi possível entrar em contato com secretário de Obras de Içara, José Eloir do Nascimento.

quarta-feira, 28 de julho de 2010

CAPA: Edição1.916 - Içara, 28 de julho de 2010

Lodetti garante que desunião no PP é especulação







Vigas da Ponte do Torneiro estarão prontas em 40 dias






Lobo-marinho é encontrado no Balneário Rincão

EDITORIAL - Comércio vence queda de braço

Igreja e comércio de Içara estão de mãos dadas no processo contra a instalação da Mina 101 na cidade mas a relação não é harmonio-sa no que se refere a Festa de São Donato.
Como retaliação contra a CDL, cuja maioria dos asso-ciados aprovaram a abertura das lojas no feriado, a Comissão de Assuntos Eco-nômicos Pastorais (CAEP) não vai realizar a Feira da Indústria e do Comércio.
A Festa de São Donato há muito tempo deixou de ser um evento religioso, pois as barracas instaladas não são de nenhuma entidade e sim de pessoas que tem um produto pra vender e pagam para estar ali e não é pouco. Não se pode servir a dois senhores: Deus e ao dinheiro. Está na Bíblia.

CHARGE


.

Participe: Deixe abaixo o seu comentário, sua opinião.

POLITICA - Lodetti garante que brigas no PP são mera especulação

Conforme o presidente da legenda, Arnaldo Lodetti Júnior, o que andam dizendo sobre o PP não passa de mera especulação, e afirma que algumas decisões só dizem respeito à Executiva.

Se normalmente existem especulações no mundo da política, em ano eleitoral o aumento é considerável.
Como é o que está acontecendo com o PP de Içara, cujo rumores apontam que a maioria dos filiados da legenda, cujo cargo de presidente é ocupado por Arnaldo Lodetti Filho, foram favoráveis à retirada dos advogados Fabiano Castanhetti e Gabriel de Souza de uma das salas ocupadas pela legenda.
De acordo com informações de Lodetti, algumas questões são internas, ou seja, só dizem respeito ao partido, mas declara que os dois advogados não foram retirados, e que no momento, não daria mais informações sobre a questão.
O advogado Fabiano Castanhetti, reforça a declaração do presidente. “A nossa relação com PP está normal”, alega, também afirmando que há muita especulação sobre a questão.
Contudo, os dois advogados continuam sendo os responsáveis legais pelas ações ajuizadas contra o prefeito em licença, Gentil Dory da Luz (PMDB), a AIP (Ação de Impugnação de Mandato) colocada no município, que entra audiência no final de agosto e outra em Brasília, que aguarda a manifestação do relator, o ministro Arnaldo Versioni, ambas pelo mesmo motivo: abuso de poder econômico. Conforme Castanhetti, o fato de as contas do PMDB terem sido aprovadas, não tem influência, “pois não é o partido que está em julgamento”.
Até o fechamento da redação, não foi possível fazer contato com Souza.

COLUNISTA - Maso Nyetto


“Espero contar com o apoio dos içarenses durante as eleições, meu partido é Içara”. Candidato à deputado estadual Adilor “Dóia” Guglielmi (PSDB), que colocou o bloco na rua em busca de uma vaga na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, em 3 de outubro.

O prefeito licenciado
Gentil Dory da Luz (PMDB) deve ficar mais algum tempo de licença médica e com isso José Zanolli (DEM) vai procurando substituí-lo a altura. Tem se esforçado para isso e tem participado de várias reuniões durante esses 60 dias
Agora uma coisa é certa. José Zanolli não retorna para a presidência do Samae. O advogado Paulo Preiss Neto deve ser mantido no cargo. É o que parece. E onde vão alojar o Zanolli? Esse assunto deve esquentar a política em Içara.

Os capítulos
da novela envolvendo a Ponte do Torneiro, em Jaguaruna, na divisa com o Balneário Rincão, em Içara, não tem hora para terminar. Candidatos que forem na localidade pedir voto vão escutar umas verdades.

CDL
venceu a queda de braço com a CAEP, que resolveu cancelar a Feira da Indústria e Comércio que seria realizada paralela a Festa de São Donato.
A maioria dos expositores não quiseram disputar a concorrência.

A possível briga interna no PP

entre o Presidente Arnaldo Lodetti Júnior e os advogados Gabriel de Souza e Fabiano Castanhetti está tomando proporções que fogem da competência do partido. Lodetti afirmou que o assunto é interno do PP e que não saiu nenhuma nota sobre isso. Também não afirmou e nem desmentiu. Já Castanhetti afirma que é tudo especulação.
A briga tem a ver com o processo de cassação de Gentil da Luz e José Zanolli. Lodetti ficou de falar com a imprensa sobre esse assunto até dia 30.
Estamos no aguardo.

Rápidas
* Os acessos a Barra Velha, via Lagoa dos Esteves, e via Rua Antônio Pagani, pela Zona Sul do Balneário Rincão estão péssimos. Os motoristas tem que fazer um verdadeiro rali para trafegar nas estradas que precisam de uma atenção maior da subprefeitura
* A Secretaria de Agricultura de Içara realiza hoje, a partir das 8h30min, no Centro Comunitário da Vila São José, uma homenagem especial aos agricultores da cidade. Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Içara será também homenageado pelos 40 anos.
*Temos uma candidata ficha limpa, preparada e que representa a oposição de 8 anos feito pelo PP. Conversamos com todos os partidos e não fazemos política do toma lá da cá, de intervenção”. Deputado Joares Ponticelli, presidente estadual do PP.
* “Aqui não tem confusão nem divisão, só solução”, comentou a senadora Ideli Salvatti (PT), sobre o seu partido, quando esteve em Criciúma na semana passada, dando uma alfinetada no PMDB, que está dividido e em pé de guerra.

Frase
“Talvez, para purificar a política bastasse admitir à Câmara apenas gagos”. (Louis Latzarus - jornalista francês - 1878-1950).

GERAL - Uma homenagem aos trabalhadores rurais

Em meis as dificuldades, agricultores do município terão evento alusivo à profissão; produção de fumo não tem protocolo de reajuste de compra assinado, podendo sofrer queda na safra.

Na data em que se comemora o Dia do Agricultor, produtores de fumo trabalham em meio a apreensão. Na última semana, empresas aquisitoras do produto e representantes da agricultura estiveram reunidos no Rio Grande do Sul para definir a tabela de compra da próxima safra do tabaco.
Conforme o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Içara, Jair de Stefano, as empresas se comprometeram a manter o reajuste de 0,7% a 10% sob a tabela da safra 2009/2010, apesar de não haver assinatura do protocolo.
O presidente relatou que a compra do produto tem sofrido um queda expressiva nas últimas safras. “Por causa do preço muito alto as empresas que exportavam não querem mais comprar do Brasil. No próximo ano não poderemos brigar por um reajuste. Nossa preocupação é não deixar o preço cair”, disse. Ele aponta também que as campanhas antifumo têm contribuído para o enfraquecimento nas vendas.
Ele antecipa que para a safra 2010/2011, que inicia em novembro, haverá uma queda de 7% na produção de fumo, com a “tendência de diminuir cada vez mais”. “Os agricultores devem procurar novas alternativas para se manter no campo. Vejo um futuro muito grande na agricultura, para isso é preciso competência e qualidade no produto”, finalizou.
E com o intuito de valorizar a categoria, órgãos do setor realizam hoje. às 8h30min, no Centro Comunitário da Vi-la São José, um café colonial, palestras, almoço, eventos culturais e encerramento com missa em prol dos trabalhadores do campo.

POLÍCIA - Motociclistas se envolvem em acidentes em Içara

Corpo de Bombeiros de Içara atendeu a duas ocorrências envolvendo motocicletas em Içara, uma delas aconteceu no Centro e a outra foi na Rodovia SC-444, no acesso ao Loteamento Jussara.

O Corpo de Bombeiros de Içara atendeu uma ocorrência no inicio da manhã de ontem, onde se envolveram na colisão duas motocicletas, no Km 9 da Rodovia Paulino Búrigo (SC-444), no Loteamento Jussara.
Conforme os bombeiros J.A.M., 41 anos, que conduzia a moto CG-125 placa PPT-1841, de Içara, perdeu o controle e acabou sofrendo uma luxação no tornozelo e foi encaminhado ao Hospital São Donato, onde passou por exames de rotina, sendo liberado horas depois.
Outro caso envolvendo uma motocicleta teve registro no fim da tarde de segunda-feira, dia 26, ocorreu na esquina da Rua Do-nato Valvassori com a Sete de Setembro, no Centro da cidade. O condutor da Honda Biz placa ATV-5223, de Içara, R.L.A., 21, foi atingido pela Toyota placas IIA-2312, também de Içara, dirigido por J.C., 25. Os socorristas levaram o motociclista até opronto-socorro do Hospital São Donado em estado grave. Ela sofreu fratura exposta na perna e traumatismo craniano, e o caso dele inspira cuidado. Já o motorista da caminhonete não sofreu nenhum ferimento.
Os plantonistas do Hospital São Donato, informaram que o acidentada permanece em estado grave, e continua em observação, sendo que a maior preocupação ficou pelo impacto, pois o capacete não resistiu e se quebrou causando grande dano a cabeça da vítima.

VARIEDADES - Educação e Cultura propõe Calendário Unificado

De acordo com a presidente do Conselho Municipal de Cultura, Tereza Feltrin Borges, o documento é importante para que as festas no munícipio sejam apreciadas pelos munícipies.

A Secretaria de Educação e Cultura de Içara, em parceria com o Conselho Municipal de Cultura, está elaborando a criação de um Calendário Unificado de todas as Entidades do Município, cujo esboço já está realizado a partir dos dados existentes na pasta.
Dentre as informações que a compõe, estão os eventos que englobam todos os munícipes, totalizando assim uma grande agenda cultural.
Conforme a Gestora da Secretaria de Educação e Cultura, Giovana dos Santos, o projeto é “um levantamento dos eventos da cidade, para que seja feito um calendário vigente para o ano de 2011”, explica, acrescentando que o prazo para o envio dos dados vai até apróxima sexta-feira, dia 30 de julho. “Após o recebimento das informações, iremos analisar juntamente com o Conselho Municipal quais ações são mais importantes e repassalas à todos os moradores”, reforça Giovana sobre a questão.
Já a presidente do Conselho Municipal de Cultura, Tereza Feltrin Borges, relembra que, durante viagens para outros lugares, “as pessoas recebem um caderno, sabendo assim o que está acontecendo, as datas e locais das festas”, justifica a presidente, acrescentando que as festas mais divulgadas são aquelas das regiões centrais.
A respeito da questão do tempo do planejamento, ela relata que ele não ficou pronto no primeiro semestre para que nenhuma comunidade ficasse de fora da programação.
Tereza Feltrin Borges explica que o conselho, composto por 22 representantes que atuam em 11 àreas diferentes, sendo distribuídos dois em cara área, já existe há algum tempo, e que conforme determinação do estatuto, um terço dos representantes devem fazer parte do Poder Público de Içara.
Ela finaliza com um pedido às entidades que ainda não entregaram seu calendário anual, que façam o mais rápido possível, disponibilizando o material na Casa da Cultura, ou ainda através do e-mail: artes@icara.sc.gov.br para que o Calendário Unificado possa ser impresso e as programações divulgadas.

ESPORTES - Muita expectativa para a final da Bocha sexta-feira

A Fundação Municipal de Esportes de Içara realiza, nessa sexta-feira, a final do Campeonato Municipal de Bocha entre Transportes Raichaski e Gonçalves Esportes, na Cancha do Nanico.

A decisão do Campeonato Municipal de Bocha de Içara, Taça Salmi Automóveis/Toninho Estofaria, será nessa sexta-feira, às 19h45min, entre Transportes Raichaski x Gonçalves Esportes, na Cancha do Nanico, na localidade de Jaqueline.
Vidraçaria Santa Luzia conquistou o terceiro lugar, enquanto a equipe Darolt ficou na 4ª posição.
As equipes finalistas tiveram o melhor desempenho durante todos os três meses de competição, tendo o maior número de torcedores também. O bom público que compareceu nas diversas canchas espalhadas pela cidade surpreendeu até mesmo os organizadores, que registraram, em alguns dos dias de jogos, uma média bem acima do esperado..
Um dos organizadores do evento e representante da Fundação Municipal de Esportes (FME) de Içara, Valdemar da Rocha, afirmou que a clássica rivalidade entre os bochófilos resultou na presença de um bom público nas partidas de bocha. “O alto nível, de competitividade e de habilidade de alguns atletas, chamaram muito atenção dos participantes”, comentou Rocha.
“Ambas as equipes tiveram um bom desempenho e mereceram estar na final da competição municipal, esperamos uma partida bem disputada e competitiva, onde todos irão sair ganhando, tanto o público quanto os torcedores.
O Campeonato Municipal de Bocha ficou dentro da expectativa dos organizadores e deve voltar ao calendário da FME já no próximo ano.

terça-feira, 27 de julho de 2010

CAPA: Edição1.915 - Içara, 27 de julho de 2010

Moradores reclamam da demora da pavimentação na ICR-253






O último acidente com morte na 444 ocorreu em 10 de fevereiro







Casagrande faz da Saúde a plataforma de campanha

ESPORTES - Presidente Vargas é mais um dos classificados para a próxima fase

Neste fim de semana a equipe titular do Presidente Vargas garantiu a classificação para a próxima fase do Campeonato Içarense 2010 ao vencer, em casa, o time do Jaqueline por 4 a 1.

Além do Barão, do União da Praia e do Vila Nova, o time do Presidente Vargas também está no grupo de clubes classificados às quartas de final do Campeonato Içarense.
Faltando apenas uma rodada para o fim da primeira fase, a equipe confirmou a participação ao vencer o Jaqueline por 4 a 2, no Estádio Paulino Biff.
Já o Barra Velha perdeu de goleada, por 5 a 0, para o Cristo Rei. E com isso viu as possibilidades de continuar na disputa pela taça serem anuladas.
Dentre os duelos de domingo, o Vila Nova deixou a ponta da tabela ao somar somente um ponto contra o Barracão. O placar foi o mais modesto da quinta rodada: 1 a 1.
Já o Barão marcou 3 a 2 sobre o Esplanada e agora é líder da competição.
Em ascensão vem o União da Praia que pulou uma posição. O time ganhou de 3 a 2 do São José e passou para a segunda colocação na tabela.
Na briga por uma das quatro vagas disponíveis, ainda restaram o Atlético Içarense e o União do Sul, ambos com o mesmo número de pontos. A igualdade foi registrada em duelo entre os dois times no Complexo Esportivo João Ramos Roussenq, com a goleada do Atlético Içarense, por 5 a 1.
Pelos aspirantes, sete equipes já se garantiram na próxima fase: Cristo Rei, PV, Vila Nova, União da Praia, União do Sul, São José e Atlético Içarense.

POLÍCIA - SC-444 completa 167 dias sem mortes

A Rodovia Paulino Búrigo (SC-444) completa nesta terça-feira 167 dias sem acidentes com mortes, no trecho de Içara, que vai do trevo do Presidente Vargas até o Distrito Balneário Rincão.

Os soldados da Polícia Militar Rodoviária Estadual (PMRv) de Içara, entraram nesta terça-feira, dia 26 de julho, no 167° dias sem acidentes com morte na Rodovia Paulino Búrigo (SC-444), que atinge desde o trevo do bairro Presidente Vargas seguindo até o final da pista no Distrito Balneário Rincão.
O último acidente com morte ocorreu dia 10 de fevereiro, quando o motorista Ronaldo Santos Crispim, 47 anos, perdeu controle do Fiat Uno placas IDU-6455, de Farroupilha (RS), saiu da pista e bateu em poste no Km 7.,150, próximo a garagem da Cooperaliança, no bairro Primeiro de Maio, em Içara.
Os casos em que as pessoas tenham morrido em hospitais, logo após a colisão, não entram neste índice da PMRv, como foi o caso de J.V.F., 50, que morreu no Hospital São José, em Criciúma, de parada cardíaca. Ela era caroneira do Versalles placas LWZ-7334, de Criciúma, dirigido por C.A.J., 27, que colidiu com o Palio placas MFY-9370, de Içara, conduzido por B.F., 44, no dia 12 de maio. E a outra morte ocorrida em hospital foi a de Luiz Carlos de Souza, 35, condutor da motocicleta placa MEH-7186, de Içara, que colidiu com a moto MDU 2034, dirigida por MPS, 28, também de Içara, em 2 de junho de 2010.
De acordo com o soldado Douglas, a fiscalização torna-se mais rigorosas nos fins de semana, devido as festas que movimentam a região e também na temporada de verão que o fluxo de veículos redobra.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

EDITORIAL - Dois pesos e duas medidas

A morte de Diego Mascarenhas, filho da atriz Cissa Guimarães, não foi a primeira e nem a última que vai ocorrer no trânsito. Mas o sensacionalismo que se está se dando ao fato é somente porque o rapaz é filho de uma global.
E aquele menor que foi morto na garupa de uma motocicleta por um policial porque o pai não parou em uma blitz em Fortaleza? A mídia vai dar a mesma atenção que deu ao filho da atriz.
Essa é uma prova real de que a maioria da imprensa brasileira usa dois pesos e duas medidas para divulgar os fatos. Quanto mais famoso mais flash

CHARGE


.

Participe: Deixe abaixo o seu comentário, sua opinião.

POLITICA - Acélio Casagrande promete priorizar ações na saúde

O suplente de deputado federal Acélio Casagrande (PMDB), que concorre a uma vaga na Alesc, defende como principal plataforma de campanha investimentos voltados para a saúde

O suplente de deputado federal Acélio Casagrande (PMDB), está buscando galgar novo posto na carreira política, com a candidatura a uma vaga na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).
“Esse início de campanha está contando os serviços prestados durante a minha carreira política”, declara o candidato, que já foi secretário da Saúde de Criciúma e também responsável pela Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR). Ele também acrescenta que a receptividade está sendo muito boa.
Sobre a plataforma de campanha, ele revela que a maior preocupação será com a área da saúde, onde relata os planos. “Pretendo investir e organizar, descentralizando os atendimentos, como acontece com alguns serviços prestados em Florianópolis. Quero trazer serviços e ampliar a qualidade dos já existentes, acabando assim com a superlotação nos pronto-socorros”, explica Casagrande,
Ele também pretende apoiar a produção agrícola, garantido reforços às famílias com o apoio técnico. Entre os planos do candidato, também há a continuidade e finalização do anel viário, e investimentos em educação, com a ampliação de 170 escolas públicase a criação de cursos profissionalizantes.

COLUNISTA - Maso Nyetto


“Quem compra a porca leva os porquinhos, e como ganhamos as eleições e vamos ter que resolver os problemas, desculpe a minha colocação mas é uma verdade”. Vereador Arlindo Luciano (DEM), justificando na sessão de segunda-feira os comentários dos vereadores sobre as péssimas condições que se encontram as ruas de Içara

O vereador Progressista
Joaci Domingos Pereira, o Boca, entrou com um requerimento para que seja dado 30 minutos na sessão de 5 de agosto para Sérgio Pagnan, presidente do Sindicato das Cerâmicas Vermelhas de Morro da Fumaça, para, mais uma vez, dar explicações como está a extração de argila em Içara.
O Pagnan não tem que comparecer na sessão, mas sim, a comissão de vereadores acompanhá-lo em vários pontos de Içara, que estão emburacados, por não tem fiscalização, por parte da Administração Municipal. Isso que tem que acontecer. É muito blá blá blá e pouca ação.

Pessoas
que trabalham no Poder Público tem que ter cuidado quando enviam e-mail do setor de trabalho para terceiros, que não tem nada a ver com a função que exerce.
Mensagens, piadas, e outras coisitas a mais devem ser remetidas de computador particular e não do setor público.

A Administração
Municipal, que tanto prega a transparência, deveria diversificar as compras em empresas da cidade e não somente naquelas, cujo donos tem ligação partidária.
O que o outro governo fazia esse não é diferente. Isso é uma pequena amostra de que trocou a mosca porque a m. é a mesma.

Foi criada uma comissão

na Câmara de Vereadores, que tem como presidente Diego Vitorassi ( PDT), com o objetivo de fiscalizar as obras em andamento no munícipio. Pelo que percebo, não está funcionando, pois existem diversas obras inacabadas, como o Centro Cultural, a alça viária da SC-444 de acesso ao Jardim Elizabete, as pavimentações da ICR-245, que dá acesso entre a Lino Zanolli e a SC-444, a estrada geral que liga a Lagoa dos Esteves à Barra Velha. Também tem o caso da Mina 101 e a extração de argilas que estão deixando no interior do municipio verdadeiras crateras.
Na última visita da comissão, ocorrida há mais de três semanas, Vitorassi foi sozinho. Cadê os demais vereadores que fazem parte da comissão?

Até o momento
não vi um santinho dos candidatos à deputados estaduais e federais da Amrec. O único candidato que colocou alguns outdoor pela Içara foi Adilor “Dóia” Guglielmi (PSDB).
Ou a eleição vai ser pobre ou de estratégia, para evitar gastos.

Arnaldo Lodetti
coordenador da campanha de reeleição do deputado estadual Joares Ponticelli (PP), passou esta segunda-feira fazendo visitas com o parlamentar em Criciúma e cidades vizinhas. Mas em Içara não esteve, pelo menos que soubesse.

GERAL - Moradores reclamam de demora na pavimentação da Rodovia ICR 253

Trabalhos estariam sendo interrompidos constantemente; engenheiro da Confer relatou que motivo seria decorrência das chuvas e informou que pavimentação no trecho deverá iniciar em dez dias.

Faltando cerca de três meses para se encerrar o prazo de conclusão, os trabalhos de pavimentação e terraplanagem na Rodovia ICR-253, que liga as Rodovia SC-444 e Lino Zanolli, estaria sendo interrompido pela decorrência das chuvas.
Em função das péssimas condições da rodovia, a moradora da localidade, Isabel Fernandes, faltou ao trabalho duas vezes na última semana. Segundo ela, a obra haveria sido interrompida por alguns momentos.
“A gente entende que a chuva atrapalha, mas tem dias bons como o de hoje que eles não trabalharam”, relatou a moradora.
Outra residente comentou que último fim de semana, a estrada estava intransitável devido ao acúmulo de areião, que não foi espalhado na estrada.
A obra no valor de R$ 596.952,73 está sendo realizada pela Construtora Fernandes Ltda - Confer, de Cricúma.
Conforme o engenheiro da empresa, Léo Charles da Luz, a obra está ocorrendo normalmente, com faltas, apenas, devido, em função das condições do tempo, o que teria acontecido nesta segunda-feira, dia 26 de julho.
No trecho que dá acesso ao escritório Central do Supermercado Giassi já foi realizada a remoção do solo mole, tendo sido substituído por areião. O engenheiro comunicou que a intenção é de, no máximo, em dez dias ser iniciado o serviço de pavimentação.
A obra com extensão de 855 metros, foi iniciada em dezembro do ano passado, com prazo de dez meses para conclusão do serviço.
Até o fechamento desta edição não foi possível entrar em contato com o secretário municipal de Obras, José Eloir do Nascimento, para saber como está a fiscalização.

VARIEDADES - “Ônibus da Menina Fantástica” agita o Sul

O concurso que escolherá a representante da beleza brasileira no Fantástico, da TV Globo, garantindo contratos no valor de R$ 500 mil, esteve no sul do estado, levando o sonho à várias jovens.

O “Ônibus Menina Fantástica”está no sul catarinense em busca de candidatas para o título, visto que o objetivo principal era a entrega da ficha de inscrição para as garotas, que tem como sonho ingressarem no mundo da moda.
O itinerário do início da semana foi percorrer as cidades de Criciúma, no domingo pela manhã, Cocal do Sul (cuja etapa foi somente à tarde, visto que problemas mecânicos no veículo interromperam o percurso) e Morro da Fumaça durante a tarde de segunda-feira. Já emTubarão, a viagem será na manhã dessa terça-feira, em frente ao Farol Shopping, e durante o restante da semana o “Ônibus Menina Fantástica se desloca até ”Lages, no Planalto Serrano, Blumenau, Brusque e Joinville, no Norte do Estado.
Entre as garotas que aguardavam ansiosas o momento da inscrição, estava a estudante criciumense Jéssica Cruz Cechella, 16 anos. Sobre os motivos que a levaram à participar do concurso, ela relata que teve o incentivo da família, amigos e do namorado. “Ingressei no mundo da moda aos 15 anos, participando de alguns desfiles e fazendo catálogos de moda”, elucida Jéssica, acompanhada pela mãe, Ângela Cechella. “Apesar de não concordar muito, eu acompanho e dou o meu apoio, é um sonho das meninas nessa idade”, argumenta a mãe, emendando que a expectativa, assim como a da filha, é grande. Após ser chamada para preencher a ficha de inscrição e gravar o vídeo, Jéssica saiu do ônibus aliviada. “Até a hora de entrar estava nervosa, achei que fosse mais rígido, mas são legais”, completa a jovem modelo.
O representante da Agência de Modelos Mega Models, Bruwin de Oliveira, estava acompanhando as meninas e deu algumas dicas. “Durante a apresentação em Florianópolis, elas devem ir casual chique, com scarpin de salto, jeans reto, sem muitos acessórios e com maquiagem leve”, explica, acrescentando que atualmente a altura não é tão fundamental, e que as modelos mais baixinhas, devem ter as medidas corretas para as fotos “O sul é um celeiro de mulher bonita, aposto que uma das meninas será daqui’, finaliza Oliveira.
No lado de dentro, o responsável era o produtor e ex-modelo, Adriano Dória, que participou do backstage do Monange Dream Fashion Tour. “Essa é a oportunidade de elas sentirem o gostinho de como é participarem do concurso e sentirem-se fantásticas”, brinca Dória.
As inscritas da Região Sul irão concorrer dia 31 de julho, em Florianópolis, passando por duas semi finais, no Rio de Janeiro e em São Paulo. A vencedora terá um contrato de R$ 500 mil.

CAPA: Edição1.914 - Içara, 24 de julho de 2010

CAEP é contra a abertura do comércio no feriado






Aposentados do Sul discutem reajustes dos benefícios em Criciúma

EDITORIAL - Feriado é feriado chega de ganância

O Dia de São Donato, 7 de agosto, é feriado municipal desde 1963 e desde então o comércio fecha as portas em honra ao padroeiro.
Com o passar do tempo a festa passou a dividir-se em comércio e religião, onde a igreja, comércios ambulantes e outros mais faturam com o evento, a parte religiosa não é a prioridade. Até o capeta estava solto na festa (batida de frutas com vodka ou champag-ne vendida na maioria das barracas).
Agora, foi a vez do comércio pedir licença e ameaçar de abrir as portas no feriado, criando uma discussão. A igreja se manifestou contrária.

COLUNISTA - Viviane Maragno


Anemia (1)

Diz-se haver anemia (do grego, an = privação, haima = sangue) quando a concentração da hemoglobina sanguínea diminui aquém de níveis arbitrados pela Organização Mundial de Saúde em 13 g/dL para homens, 12 g/dL para mulheres, e 11 g/dL para gestantes e crianças entre 6 meses e 6 anos.
O que é hemoglobina: é o pigmento que dá a cor aos glóbulos vermelhos (eritrócitos) e tem a função vital de transportar o oxigênio dos pulmões aos tecidos. Apesar de ter um cortejo de sintomas e sinais próprios, a anemia não é, em si, uma doença, mas uma síndrome, pois pode decorrer de uma extensa lista de causas. É a síndrome crônica de maior prevalência em medicina clínica.
Classificação das anemias: pode ser aguda ou crônica.
a) Na anemia aguda (perda súbita de sangue) a falta de volume no sistema circulatório é mais importante que a falta de hemoglobina. A perda de até 10% do volume sangüíneo, como a que ocorre numa doação de sangue, é bem tolerada. Perdas entre 10 e 20% causam hipotensão postural, tonturas e desmaios. Nas perdas acima de 20% há taquicardia, extremidades frias, palidez extrema, e hipotensão, depois choque; se a perda ultrapassar 30%, sem reposição imediata de líquidos intravenosos, o choque torna-se rapidamente irreversível e mortal.
b) Nas anemias crônicas não há baixa do volume sangüíneo, que é compensado por aumento do volume plasmático. A falta de hemoglobina, como regra acompanhada de diminuição do número de eritrócitos, as células carreadoras, causa descoramento do sangue, com palidez do paciente, e falta de oxigênio em todos os órgãos, com os sinais clínicos daí decorrentes.
Hipócrates (@400 a.C.) descreveu-os: palidez e fraqueza devem-se à corrupção do sangue.
O sistema nervoso central, o coração e a massa muscular são os órgãos mais afetados, pois são os que mais necessitam oxigênio para suas funções. A sintomatologia aumenta com a atividade física, pois esta consome oxigênio. Com hemoglobina entre 9 e 11 g/dL há irritabilidade, cefaléia e astenia psíquica; nos velhos há fatigabilidade e podem ocorrer dores anginosa Com hemoglobina entre 6 e 9 g/dL há taquicardia, dispnéia e fadiga aos menores esforços. Com hemoglobina abaixo de 6 g/dL a sintomatologia está presente mesmo em atividades sedentárias e quando abaixo de 3,5 g/dL a insuficiência cardíaca é iminente e toda a atividade impossível. (continua...).

POLITICA - Aposentados e pensionistas do Sul se reúnem em assembleia

As 16 Associações de Aposentados e Pensionistas do Sul de SC se reuniram nesta sexta-feira para tratar da votação do Projeto de Lei (PL) 4434/08, que está sendo analisado pelo presidente Lula.

Durante o dia de sexta-feira, as 16 Associações de Aposentados e Pensionistas da Região Sul, reuniram-se no Auditório São José, em Criciúma para a discussão do Projeto de Lei (PL) 4434/08, que está sendo analisado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), cujo texto prevê o reajuste dos benefícios da previdência, conforme o valor do salário mínimo, recuperando também benefícios perdidos.
O evento também contou com a presença de vereadores deputados estaduais e federais, que demostraram total apoio à causa da classe de aposentados.
Conforme o presidente da Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas, Warley Martins Gonçalves, a categoria necessita defender os seus direitos. “Nós precisamos lutar pelo o que está sendo tirado”, defendeu Gonçalves, cobrando a união das classes, afirmando que caso não haja, eles iriam parar nos asilos, e também prestou homenagem aos mineiros de Criciúma.
De acordo com informações repassadas, o Fundo Social catarinense possui mais de R$1,6 milhão, e existem verbas do Fundo Nacional do Idoso,. que deverá ser mais fiscalizado.
Na avaliação de Antônio Novelli, Presidente dos Aposentados e Pensionistas de Içara e Presidente do Conselho de Representantes de Santa Catarina, o encontro foi positivo. “Vamos começar o regaste das perdas e a vinculação do aumento junto o salário mínimo para que exista um aumento sem qualificação. Por isso é muito importante é a união da classe dos aposentados e dos trabalhadores”, finaliza.

COLUNISTA - Maso Nyetto


“Era o genro que pedi a Deus. Um filho. Mas descobri que dentro de casa tinha um monstro. Como pode alguém normal, trabalhador, fazer isso?”. Sogra de Diego do Nascimento Buri, que não quis se identificar, sobre o assassino de Kenifer de Jesus Guimarães, morta em 1º de maio, no Distrito Rio Maina, em Criciúma.

Prefeito licenciado de Içara
Gentil da Luz, recebeu ontem a visita do amigo e candidato a vice na chapa das eleições municipais de 2004, José Pizzetti, que entrou no seleto grupo de companheiros que conseguiu se reunir com ele após a cirurgia. “Me recupero bem e na próxima segunda-feira irei retirar os pontos, é um segundo momento que requer muito cuidado. Continuarei seguindo as recomendações médicas para me recuperar o mais rapidamente possível, mais já fui prevenido pelo médico responsável, Giancarlo Búrigo, de que, talvez não esteja totalmente recuperado até o final da minha licença”, adiantou da Luz.
Desejo recuperação a Gentil e que volte a ativa.

Os Bombeiros
de Içara não informam as ocorrências ao Jornal Içarense e para a imprensa de Criciúma são bem solicitos. Mas na hora que vão se reunir com a comunidade para pedir ajuda para manter a Associação do Bombeiros Comunitários, eles lembram do JI.
Vão pedir apoio para a imprensa de Criciúma.

É inadmissível
que no Centro tenha ruas sem calçadas, como é o caso deste terreno ao lado da Cooperaliança.

Rápidas
* Parabéns ao gerente bancário Fernando Romancini que está estruturando o Sicredi de Içara, trabalhando com disciplina e transparência, afinal essa é a função de uma cooperativa.
* Mesmo sem a perícia paralela que deve ser concluida pelo consultor do Ministério Público Federal o juiz Júlio César Bernardes concedeu uma liminar parcial para funcionamento da Mina 101, na localidade de Esperança.
* A Administração Municipal de Içara realizou ontem uma das diversas reuniões que serão feitas com os setores para discutir projetos futuros. É muito bom, porque está na hora de aparecer resultados.
* Alunos da Rede Municipal de Ensino entram de férias por uma semana e retornam as salas de aula no dia 2 de agosto. Apenas três CEIs vão funcionar: Favinho de Mel, Alegria do Saber e Paraíso da Mamãe.
* A petista Ideli Salvati é a primeira entre os candidatos que disputam o Governo de Santa Catarina a criar e apresentar o site, de olho no crescimento desta mídia e na força dela, graças as chamadas redes sociais.
*O Brasil tem o terceiro pior índice de desigualdade em toda a América Latina e o Caribe, segundo dados do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento , estando abaixo da Bolivia e do Haiti.

Frase
“A política... há muito tempo deixou de ser ciência do bom governo e, em vez disso, tornou-se arte da conquista e da conservação do poder.” (Luciano Bianciardi - escritor italiano - 1922-1971)

GERAL - CDL decide em assembleia pela abertura no feriado de São Donato

Associados da Câmara de Dirigentes Lojistas realizaram votação na noite de ontem para definir funcionamento para 7 de agosto e CAEP se posiciona contrária a abertura do comércio.

Com 29 votos favoráveis e 11 contrários, associados da Câmara de Dirigentes Lojistas de Içara (CDL) decidiram pela abertura do comércio no feriado de São Donato, dia 7 de agosto. A decisão ocorreu por meio de votação secreta na noite desta sexta-feira.
O comerciante Renato Brígido se retirou da assembleia após ter o pedido de fala negado pelos representantes do órgão. Ele possui envolvimento com Comissão para Assuntos Econômicos da Paróquia São Donato (Caep).
O assessor jurídico da CDL, Lauro Moro Cardoso, ressaltou que não haveria tempo para argumentações, a qual deveria ser estendida a todos os presentes. A decisão é válida apenas aos lojistas associados ao órgão, sendo que não há obrigatoriedade no cumprimento.
Na data do padroeiro do município, 7 de agosto, o comércio tradicionalmente opta pelo não funcionamento. O que de acordo com o vice presidente da CDL, Altair Borges, seria seguido este ano. Mas, em função da abertura dos supermercados, alguns lojistas se manifestaram.
“Os mercados vendem tudo que as lojas vendem. Se o comércio não funcionar, ficará em desvantagem”, comentou Borges, apontando também que a data é lucrativa pela proximidade do Dia dos Pais.
Uma pesquisa realizada no mês de maio pela CDL, apontou que 94% dos comerciantes eram favoráveis ao funcionamento comercial na data.
O presidente da Caep, Alexandre Brígido, defende que o funcionamento do comércio é um demonstrativo de falta de respeito ao padroeiro. “É como se uma mãe não comparecesse ao aniversário do próprio filho”, exemplificou Brígido.
Ele acrescentou que a Igreja havia procurado a direção da entidade no mês de abril, que confirmou a não execução dos serviços na data em honra do padroeiro. A Igreja se manifestou através de um comunicado escrito enviado à CDL, no qual enfatiza as argumentações cléricas sobre o assunto.

POLÍCIA - Jovens infratores serão atendidos em Içara

Um novo projeto esta sendo lançado, juntamente com a Administração Municipal e os órgãos sociais, com apenas um objetivo, de atender jovens infratores e os tirando do mundo do crime.

Já está oficialmente sob a responsabilidade da Secretaria de Assistência Social, Habitação, Trabalho e Renda de Içara o Serviço de Proteção Social ao Adolescente em Cumprimento de Medida Socioeducativa de Liberdade Assistida (LA) e de Prestação de Serviços à Comunidade (PSC).
Estes trabalhos eram executados pelo Poder Judiciário da Comarca de Içara, mas foram transferidos à Administração Municipal para adequação da legislação.
A partir de agosto os dois serviços vão ser executados no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), localizado na Rua João Lodetti, número 47, Centro de Içara.
A finalidade dos trabalhos é promover atenção socio assistencial e acompanhamentos aos adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto, determinadas pela justiça. Esse serviço também vai contribuir para o acesso a direitos e para dar um novo significado aos valores na vida pessoal e social desses adolescentes. Para a oferta do serviço é necessário observar a responsabilidade do ato infracional praticado, para que os direitos e deveres sejam assegurados de acordo com as legislações e normativas do cumprimento da medida.
Para execução dos trabalhos, o CREAS vai disponibilizar profissionais de assistência social e psicologia.

VARIEDADES - Chá Cor de Rosa para angariar fundos

A Rede Feminina de combate ao Câncer de Içara (RFCC), estará promovendo no dia 22 de agosto, a partir das 16h,o tradicional Chá Cor de Rosa, para angariar fundos para a entidade.

A Rede Feminina de Combate ao Câncer (RFCC) de Içara é formada por 46 voluntárias, cujo trabalho e realização de eventos há 19 anos subsidem a entidade, que conta com outras 60 sedes espalhadas pelo estado de Santa Catarina.
Um dos objetivos principais da Rede é a realização de benefícios em prol das mulheres com câncer. Para que essas ações possam ser concretizadas, todos os anos a entidade realiza o tradicional Chá Cor de Rosa, cujo dinheiro arrecadado com a venda dos convites do evento é destinado à manutenção do trabalho no grupo no município.
Para a edição de 2010, que será realizada no dia 22 de agosto, no Salão de Festas da Paróquia São Donato. Os ingressos, que já estão sendo vendidos pelo valor de R$15,00, podem ser adquiridos com as voluntárias.
Conforme a presidente do grupo em Içara, Inês Barrichello, o evento já é realizado há muitos anos. “Foi no início da Rede Feminina quando passávamos por muitas dificuldades, e precisávamos angariar fundos”, conta a presidente, acrescentando que atualmente, além de arrecadar fundos para a entidade, com os lucros obtidos para que sejam utilizados em investimentos para o laboratório, também serve de confraternização entre as voluntárias e amigas.
Inês também relata que por mês são atendidas aproximadamente 400 mulheres, que vão em busca dos exames de preventivo de cólo do útero e de mama. “Muitas delas preferem vir até nossa entidade e não nos postos de saúde dos bairros onde moram, pelo fato de nosso atendimento ser gratuito e de qualidade, que é acompanhado de uma dose de muito carinho e de atenção”, justifica Inês.
Os exames são prestado por uma enfermeira e uma auxiliar de enfermagem, e o trabalho das valuntárias do jaleco rosa consiste na recepção das pacientes em espera, conversando e prestando apoio e solidariedade.
Caso o exame aponte alguma irregularidade, a paciente é encaminhada à Secretaria de Saúde, que se encarregará do tratamento. “A Rede Feminina de Combate ao Câncer funciona em parceria com a prefeitura municipal”, argumenta a presidente.
Quem quiser conhecer o trabalho voluntáriio que salva vida, a RFCC atende de segunda à sexta-feira, das 8h às 11h30min e das 13h às 16h30min, e está localizada na rua João Menegaro, uma sala em anexo ao Hospital São Donato.

ESPORTES - Depois da paralisação de uma semana equipes voltam a campo

As doze equipes que participam do Campeonato Içarense voltam a campo neste fim de semana para a disputa da quinta rodada nas categorias titulares e aspirantes da competição.

A previsão é de chuva no fim de semana mas a quinta rodada do Campeonato Içarense está confirmada para domingo.
Depois de duas semanas sem futebol, devido a final da Copa do Mundo (dia 11) e das chuvas que deixaram os estádios sem condições de jogo (18) as doze equipes voltam a campo neste domingo, para alegria dos torcedores içarenses.
De acordo com Paulo César Crescêncio, presidente da Liga Atlética Içarense, (LAI), será realizado uma inspeção nos principais campos do município, para averiguar o estado de jogabilidade e caso pare de chover até domingo as partidas continuaram com as atividades normais.
Faltando apenas duas rodadas para o termino da primeira fase, o Vila Nova e o Barão são as duas únicas equipes classificadas, por antecipação, para a próxima etapa do Içarense.
O responsável pelo time do Vila Nova, Claúdio Blissari, afirmou que o desempenho dos atletas neste período é favorável,pois todos estão mostrando o potencial desejado. “Mesmo com a classificação em mãos não queremos baixar nosso nível de jogo”, explicou o treinador.
A equipe entra em campo, neste domingo, contra o Barracão, com a vantagem de 14 gols marcados e três sofridos, saldo de 11.
Pela categoria aspirante apenas o União do Sul já tem confirmado o passaporte à próxima fase, depois de pontuar nove pontos na tabela.